Angela Davis vem a SP para evento aberto no Auditório Ibirapuera

Ativista vem lançar sua autobiografia e comandar o bate-papo “A liberdade é uma luta constante”

Por: Redação

Angela Davis vem mexer com as estruturas de São Paulo! Em sua primeira passagem por aqui, a filosofa e ativista “pantera negra” vai participar da conferência “A liberdade é uma luta constante” na plateia externa do Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer.

Esse super encontro é organizado pela editora Boitempo, em parceria com a Fundação Rosa Luxemburgo, e faz parte da série de eventos do lançamento do livro “Uma Autobiografia” com Davis no Brasil.

angela davis sorrindo e vestindo uma echarpe amarela
Crédito: ReproduçãoÍcone do movimento negro e feminista dos EUA, Angela Davis vem ao Brasil para evento gratuito e aberto para mais de 15 mil pessoas!

O livro é um retrato das lutas sociais nos Estados Unidos durante os anos 1960 e 1970 pelo olhar da própria Angela Davis, que, à época, tinha 28 anos.

CASA DAS ROSAS: PASSEIO OBRIGATÓRIO NA AVENIDA PAULISTA

Nesta publicação, Davis narra a sua trajetória, da infância à carreira como professora universitária, interrompida por aquele que seria considerado um dos mais importantes julgamentos do século 20 e que a colocaria, ao mesmo tempo, na condição de ícone dos movimentos negro e feminista e na lista das dez pessoas mais procuradas pelo FBI.

A falsidade das acusações contra Davis, sua fuga, a prisão e o apoio que recebeu de pessoas de todo o mundo são comentados em detalhes por essa mulher que marcou a história mundial com sua voz e sua luta.

angela davis em seu discurso mais famoso em 1970
Crédito: ReproduçãoAngela Davis alcançou notoriedade mundial na década de 1970 como integrante do Panteras Negras, por sua militância pelos direitos das mulheres e contra a discriminação social e racial nos Estados Unidos

O bate-papo de lançamento do livro de Angela Davis conta ainda com outros grandes nomes, como Raquel Barreto, responsável pelo prefácio da obra de Davis, e da escritora Bianca Santana. Quem media a conversa é Christiane Gomes, da Fundação Rosa Luxemburgo.

Aberto, gratuito e sem necessidade de inscrição prévia, o evento acontece no dia 21 de outubro, a partir das 19h.

Durante a conferência, as demais obras da autora publicadas pela Boitempo vão ser vendidas no foyer do Auditório com descontos especiais.

Entre os livros, estão “Mulheres, Raça e Classe” (2016); “Mulheres, Cultura e Política” (2017) e “A Liberdade é Uma Luta Constante“.

Você vai curtir esse outro rolê