Imagem do Topo

Embarque em uma viagem literária na Biblioteca Monteiro Lobato

Histórias lúdicas de Monteiro Lobato podem ser (re)visitadas na biblioteca

Por: Redação Comunicar erro
Todos os dias
Segunda a sexta, das 8h às 18h
Sábado, das 10h às 17h
Domingo, das 10h às 14h

Quem tem cria em casa sabe o desafio que é entreter os pequenos com passeios diferentões e educativos. Mas há esperanças: uma belíssima opção para sair da rotina é a Biblioteca Monteiro Lobato, localizada na Vila Buarque, região central de SP. Com entrada gratuita, o equipamento reúne mais de 90 mil itens voltados à literatura infantil!

Inaugurada pelo escritor Mario de Andrade em 1936, a Monteiro Lobato é a mais antiga biblioteca infantojuvenil em território nacional. No comecinho de tudo, foi batizada como Biblioteca Infantil Municipal, mas em 1955 recebeu o nome do autor, como forma de homenagear um dos principais escritores de histórias infantis do Brasil.

Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato
Crédito: Daniel GuimarãesAo todo, a biblioteca reúne mais de 90 mil exemplares literários!

O que a Biblioteca Monteiro Lobato tem?

Gibiteca: espaço dedicado às histórias em quadrinhos, com aproximadamente 7 mil exemplares de álbuns, gibis, mangás e RPG!

Literatura Infantil e Juvenil – coleção de obras especializadas: atende pesquisadores, especialistas, estudantes e outros interessados na história das bibliotecas infanto-juvenis (necessário agendar previamente).

Seção de Bibliografia e Documentação: um dos mais importantes acervos do país em literatura infantil e juvenil. É responsável pela publicação da Bibliografia Brasileira de Literatura Infantil e Juvenil desde 1941.

Coleção de obras raras: com cerca de 4.500 mil itens, o acervo conta com obras de literatura infantil nacional e estrangeira e acervo referente à vida e obra de Monteiro Lobato, e é basicamente formado por doações da família do escritor.

Livros Escolares – acervo histórico de livros escolares – AHLE: a partir do material encontrado em bibliotecas infantis desde 1895, são expostos livros de disciplinas escolares dos cursos elementar e secundário.

Memória Documental: reúne a história do departamento das bibliotecas infanto-juvenis com documentos e fotos do Timol, Tibbim, Turistinhas Municipais, Academia Juvenil de Letras e o Jornal A Voz da Infância.


A fim de aproximar o público de seus equipamentos culturais, a Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo apresenta a série #MeuRolêSP, em que personalidades da cultura contam curiosidades de diferentes locais.

No primeiro episódio, a neta do escritor Monteiro Lobato, Joyce Kornbluh, conta um pouco sobre a Biblioteca e rememora os 137 anos do autor de “Sítio do Picapau Amarelo”, nascido em 18 de abril de 1882. Vem ver:

Como chegar?

Metrô: Descer na Estação Santa Cecília (Linha 3 – Vermelha), seguir pela Rua Dona Veridiana e entrar à esquerda na Rua General Jardimou | Descer na Estação República (Linha 3 – Vermelha), seguir pela Rua Marquês de Itu entrar à esquerda na Cesário Mota Jr. até a Rua General Jardim

Ônibus: 778R – Terminal Princ Isabel – Cohab Raposo Tavares – descer na Rua Marquês de Itu, entrar à esquerda na Cesário Mota Jr. até a Rua General Jardim
475M – Jd. Saúde – Term. Amaral Gurgel
669A – Term. Santo Amaro – Term. Princesa Isabel
7395 – Jd. Macedônia – Estação da Luz – Descer no primeiro ponto da Rua Amaral Gurgel, atravessar e entrar na Rua General Jardim