Casa das Rosas exibe filmes em homenagem a Guimarães Rosa

As sessões do Jardim Paradiso exibem adaptações cinematográficas de contos e novelas do autor

Até 13 de setembro de 2018

Quinta

Das 19h às 20h10

Grátis

A Casa das Rosas, em São Paulo, realiza em seu jardim exibições ao ar livre de adaptações cinematográficas de obras literárias. Até 13 de setembro, o museu-casa celebra os 110 anos de nascimento de Guimarães Rosa, trazendo ao público adaptações cinematográficas de histórias do célebre escritor.

Com entrada gratuita, as sessões acontecem 19 de julho, 23 de agosto e 13 de setembro, quintas-feiras, sempre às 19h.

Filme "A Hora e a vez de Augusto Matraga"
“A Hora e a vez de Augusto Matraga” será o filme exibido em julho

O primeiro filme exibido é “A hora e a vez de Augusto Matraga” (1965), inspirado no conto homônimo presente no livro Sagarana (1946). A adaptação de Roberto Santos conta a história de Augusto Matraga, um violento fazendeiro que ao ser traído pela esposa é emboscado por seus inimigos e dado como morto, mas é salvo e torna-se uma pessoa religiosa. Depois do episódio de quase morte, Augusto conhece Joãozinho Bem Bem, jagunço que o faz viver um conflito interno, instigando os instintos violentos de sua personalidade e o fazendo oscilar entre seu temperamento agressivo e a religiosidade que não consegue mais abandonar.

A mostra ainda conta com exibições de “A terceira margem do rio” (1994), de Nelson Pereira dos Santos no dia 23 de agosto e “Mutum” (2007), de Sandra Kogut, dia 13 de setembro.

Jardim da Casa das Rosas - São Paulo, Brasil
Crédito: Andre HoffO jardim da Casa das Rosas é nomeado Jardim Paradiso! Muito amor

A Casa das Rosas integra a Rede de Museus-Casa Literários gerenciada pela Poiesis.