Casa Mathilde: a tradição e o sabor dos doces portugueses em SP

Doceria mantém no Brasil as receitas originais da fábrica fundada em Lisboa no séc XIX

Por: Redação
SEGUNDA TERçA QUARTA QUINTA SEXTA SáBADO
Segunda a sexta-feira, das 9h às 19h30; Sábados e feriados das 9h30 às 16h30.

É no Centro Histórico de São Paulo, mais especificamente na elegante Praça Antônio Prado, que reside a doceria portuguesa mais tradicional da cidade: a Casa Mathilde.  Seu cardápio conta com mais de 30 tipos de doces típicos, vindos diretamente da terra lusitana para cá, entre eles o adorado pastel de nata.

Em Portugal a marca nasceu em 1850 na Vila de Sintra, região metropolitana de Lisboa. Ficou famosa pela queijada da Mathilde que conquistou o selo real por ser a preferida do Rei D. Fernando II, até que teve suas atividades encerradas em 1974.

O Brasil, antiga colônia, foi o destino escolhido para retomar as atividades. Além da queijada, veio também o pastel de nata, de santa clara, o travesseiro de Sintra e o toucinho do céu, os mais pedidos pelos clientes que visitam o local (entre R$ 8 e R$ 15). Para acompanhar é possível pedir um café ou um cálice de vinho do Porto (entre R$ 6 e R$ 23).

O tradicional Pastel de Nata português saindo do forno
O tradicional Pastel de Nata português Alessandra Petraglia/Catraca Livre
Vitrine com mais de 28 tipos diferentes de doces da Casa Mathilde
Vitrine com mais de 28 tipos diferentes de doces da Casa MathildeAlessandra Petraglia/Catraca Livre
Geladeira de sorvetes inspirados nos sabores típicos dos doces de Portugal, como pastel de nata
Sorvetes inspirados nos doces típicos de PortugalAlessandra Petraglia/Catraca Livre
Pastel de Nata e de Santa Clara
Pastel de Nata e de Santa ClaraAlessandra Petraglia/Catraca Livre

8 cafés no centro e região que todo mundo precisa conhecer

Outra opção muito sugerida é o clássico combo de pastel e vinho (entre R$ 17 e R$ 23) para quem quer apreciar os sabores portugueses sem exagerar na gula.  Nos dias mais quentes uma boa pedida é a geladeira de sorvete com boa variedade de massas (entre R$ 12 e R$ 16).

Ambiente

A doceria conta com um amplo salão, com muitas mesas e uma longa vitrine de produtos. No final da loja, é possível observar uma das cozinhas onde são preparados e assados os carros chefes da Casa Mathilde. Uma dica é sentar nas mesas do segundo andar, pois contam com uma vista privilegiada da cidade, o que torna a experiência de consumo muito especial, seja durante o dia ou no entardecer.

Mesa no segundo piso da Casa Mathilde oferece vista privilegiada da Praça Antonio Prado, no centro de São Paulo
Vista da Praça Antônio Prado, no centro de São Paulo
Salão da Casa Mathilde com a ampla vitrine de doces
Vitrine de doces da Casa MathildeAlessandra Petraglia/Catraca Livre

Uma informação importante e que costuma atrapalhar alguns passeios é que o espaço não abre aos domingos, no entanto, isso não é motivo para você deixar de colocar a Casa Mathilde nos seus planos. Vá no sábado, no feriado ou durante a semana!

Pertinho da Avenida Paulista existe o paraíso da comida vegana! Vem ver:

Compartilhe:

1
BH: Jetiboca tem café incrível a R$ 3, pão de queijo e muito amor
Um dos lugares mais incríveis e inusitados no centro de Belo Horizonte, em Minas Gerais, é o Mercado Novo. Há …
2
3 trilhas no Rio com vistas de tirar o fôlego
Esse vídeo é para os amantes de ecoturismo, ou mesmo para quem quer começar a fazer trilhas e se conectar …
3
Parque da Pedra Branca no RJ: a maior floresta urbana do país
Pega um calçado confortável, passar protetor e repelente e Colaí nessa caminhada pelas trilhas do Parque da Pedra Branca, a …
4
Roteiro zen para fugir do caos de SP
Viver em SP é estar sempre ligadão no 220. Mas é legal dar uma freada no corre corre, né não? Colaí …
5
3 rolés pra curtir no Baixo Tijuca no Rio de Janeiro
A região do Baixo Tijuca tem muito o que oferecer quando o assunto é cerveja gelada! Colaí que eu tenho as …
6
Arena Digital de Curitiba: cinema e planetário no mesmo lugar
Ver as estrelas, mergulhar no fundo do mar, conhecer de pertinho todo o sistema solar. Tudo isso é possível em …
7
Uma voltinha no Mercado Público de Porto Alegre
Mais do que um ponto turístico, o Mercado Público de Porto Alegre concentra consumo, crença, cultura e tradição no centro …
8
3 jóias gastronômicas antigas de São Paulo
Afinal, panela velha é a que faz comida boa? Se depender da Casa Mathilde, da Padaria Santa Tereza e do …