Últimas notícias:

Loading...

Circo Voador reabre com shows de Paralamas do Sucesso, Céu e mais

Fechada por quase dois anos, por conta da Covid-19, casa celebra 39 anos com apresentações memoráveis. Vem que a gente te conta tudo!

Por: Redação

Uma das principais casas de shows do Rio de Janeiro reabre após um hiato de quase dois anos, por causa da pandemia de Covid-19. O Circo Voador, um dos rolés culturais cariocas essenciais, preparou uma programação imperdível para os próximos meses.

Circo Voador
Crédito: Reprodução/ Instagram @ceu | Reprodução/ Instagram @oficialchicocesar | Rafael Michalawski/ Reprodução/ Instagram @osparalamas | Reprodução/ Instagram @jardsmacalePrograme-se para não perder nenhum show no Circo Voador

Quem sobe ao palco nas primeiras noites de retomada é justamente um artista cuja história se confunde com a do próprio espaço. Nos dias 21, 22 e 23 de outubro, Marcelo D2 apresenta o repertório do seu novo álbum, “Assim Tocam os Meus Tambores”, produzido em 2020.

D2 é figura recorrente no Circo Voador, não só no palco como também na plateia. Frequentou a Lona nos anos 1980 – e foi justamente onde ele conheceu seus futuros companheiros de Planet Hemp.

O show de retomada é significativo por vários motivos: não só celebra a reabertura da casa, que esteve fechada desde março do ano passado, como também é a primeira vez que o público pode ouvir o novo álbum ao vivo. Além disso, as apresentações comemoram o aniversário de 39 anos do espaço.

Confira a versão audiovisual de “Assim Tocam Os Meus Tambores”:

A música continua a correr solta, com os mais diferentes estilos animando o público. No dia 29 de outubro, por exemplo, acontece a Noite do Bem Bolado , que reúne no mesmo evento a mescla de Afrobeat e as manifestações populares brasileiras da Foli Griô; a roda de samba do Samba que Elas Gostam; e o Sexteto Sucupira, que mistura forró com heranças culturais africanas, orientais, ibéricas. E de quebra, ainda tem o repertório de brasilidades do DJ Tales Mulatu.

Já no sábado, 30, é dia de ouvir ao vivo “Maxixe Samba Groove”, lançamento de Hamilton de Holanda. O próprio artista chama este novo trabalho de ode ao balanço, e promete um show dançante, indo do choro ao jazz, passando por diversos outros ritmos brasileiros.

Animou? Então, para manter o embalo, deixa a gente te contar alguns dos outros nomes que passam pelo Circo Voador!

Novembro já começa com o lançamento de “Pomares”, novo álbum do Chico Chico, no dia 5, e o show de comemoração de 30 anos de carreira de Baia, no dia 6. O fim de semana seguinte traz o reggae do Ponto de Equilíbrio, nos dias 12 e 13; e a segunda metade do mês promete Jards Macalé, no dia 19; Djonga, no dia 21; e Paralamas do Sucesso, nos dias 27 e 28.

Céu abre a programação de dezembro do Circo Voador, no dia 3. No dia 5, é a vez do encontro explosivo entre Chico César e Geraldo Azevedo. O último show do ano é o do BK, que comanda o palco no dia 12; apresentando canções do novo álbum. 

Mas já existem atrações confirmadíssimas em 2022! Em janeiro, nos dias 14 e 15, Black Alien garante showzaços. E, em março, mais especificamente no dia 26, acontece a “We Are One Tour:Millencolin e Satanic Surfers”.

É muita coisa boa! E isso é só o começo! O site do Circo Voador é constantemente abastecido com novidades. Se você não quiser perder nada – até porque têm ingressos que esgotam bem rápido – é preciso ficar de olho. 


Lembre-se de que, para entrar no local, é necessário apresentar comprovante de vacinação contra Covid-19. #DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado? ❤


Veja outros rolés legais no RJ:

?>