Exposição gratuita no Rio celebra os 60 anos da Bossa Nova

Músicas e registros contam a história do movimento na mostra 'Bossa 60, Passo a Compasso', em cartaz no Espaço Cultural BNDES

Por: Redação
Até
06
de setembro 2018
Segunda - Terça - Quarta - Quinta - Sexta
Das 10h às 19h

A Bossa Nova está fazendo aniversário! Para celebrar os 60 anos do movimento da MPB consagrado por nomes como João Gilberto, Tom Jobim e Vinicius de Moraes, o Espaço Cultural BNDES, no Rio, apresenta a exposição ‘Bossa 60, Passo a Compasso’. E quem ganha o presente é o público, que não paga para visitar!

 Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Ronaldo Bôscoli, Roberto Menescal e Carlos Lyra
Crédito: Acervo Instituto Tom Jobim/DivulgaçãoExposição ‘Bossa 60, Passo a Compasso’ celebra os 60 anos da Bossa Nova no Espaço Cultural BNDES

Idealizada por Valéria Machado Colela e com curadoria do jornalista e crítico musical Tárik de Souza, a mostra traça as mudanças que a Bossa Nova trouxe na interpretação, ritmo, temáticas e estilo na música brasileira, atreladas ao contexto histórico das últimas seis décadas no país e no mundo. A exposição privilegia a experiência sonora, com ilhas de conteúdo musical distribuídas pelo espaço, onde convergem talentos consagrados e novos do movimento, além de ícones de outras correntes influenciados por ele.

“Chega de Saudade”, canção escrita por Vinicius e Tom, foi gravada por João Gilberto em 1958 e é considerada um dos marcos inaugurais do gênero.

O percurso da mostra é pontuado por tópicos. O visitante tem contato ainda com a cronologia da Bossa Nova, desde seu início até os dias atuais, imagens da época, letras e novas linguagens vocais. Através das músicas e registros, são esmiuçadas as transformações ocorridas no país, em paralelo com o Cinema Novo e o teatro de vanguarda, as artes plásticas e a literatura.

‘Bossa 60, Passo a Compasso’ fica em cartaz até o dia 6 de setembro e pode ser vista de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 10h às 19h. O público ainda tem a chance de participar de visitas guiadas: de segunda a sexta, às 12h30, e às quartas e quintas, às 18h15.

1
BH: Jetiboca tem café incrível a R$ 3, pão de queijo e muito amor
Um dos lugares mais incríveis e inusitados no centro de Belo Horizonte, em Minas Gerais, é o Mercado Novo. Há …
2
3 trilhas no Rio com vistas de tirar o fôlego
Esse vídeo é para os amantes de ecoturismo, ou mesmo para quem quer começar a fazer trilhas e se conectar …
3
Parque da Pedra Branca no RJ: a maior floresta urbana do país
Pega um calçado confortável, passar protetor e repelente e Colaí nessa caminhada pelas trilhas do Parque da Pedra Branca, a …
4
Roteiro zen para fugir do caos de SP
Viver em SP é estar sempre ligadão no 220. Mas é legal dar uma freada no corre corre, né não? Colaí …
5
3 rolés pra curtir no Baixo Tijuca no Rio de Janeiro
A região do Baixo Tijuca tem muito o que oferecer quando o assunto é cerveja gelada! Colaí que eu tenho as …
6
Arena Digital de Curitiba: cinema e planetário no mesmo lugar
Ver as estrelas, mergulhar no fundo do mar, conhecer de pertinho todo o sistema solar. Tudo isso é possível em …
7
Uma voltinha no Mercado Público de Porto Alegre
Mais do que um ponto turístico, o Mercado Público de Porto Alegre concentra consumo, crença, cultura e tradição no centro …
8
3 jóias gastronômicas antigas de São Paulo
Afinal, panela velha é a que faz comida boa? Se depender da Casa Mathilde, da Padaria Santa Tereza e do …