SUSPENSO: Grafite e cultura de rua são temas de exposição no MAR

Considerando o cenário de combate ao COVID-19, o MAR estará fechado ao público por tempo indeterminado. Leia o comunicado oficial:

Por: Redação

“A partir desta segunda-feira (16), por determinação da Prefeitura do Rio e visando contribuir para a campanha de combate ao vírus COVID-19, o Museu de Arte do Rio permanecerá fechado ao público por tempo indeterminado.

Todas as exposições, atividades educativas, visitas e programação cultural ficam suspensas  até a reavaliação da situação pelas autoridades competentes.

Para devolução de ingressos comprados com antecedência, entre em contato pelo Fale Conosco.

A pandemia do COVID-19 é um problema de saúde pública que afeta a todos nós. Siga as recomendações do Ministério da Saúde e mantenha a calma. Em caso de dúvidas, ligue para o Disque Saúde do SUS pelo número 136.”

A rua é o lugar do movimento: se a cidade fosse comparada ao corpo humano, as ruas seriam suas veias. O sangue seria o fluxo das pessoas, do trânsito, dos sons e das luzes.

E tem dias que o corre é tão intenso que não conseguimos perceber que a rua também é arte. Em inglês, street art. Nas calçadas das cidades grandes temos artistas performáticos, rimas de rap e cordel, break e os grafites.

O MAR – Museu de Arte do Rio apresenta a exposição “Rua!”, abrindo o espaço para o diálogo entre a arte e a cultura das ruas.

Exposição "Rua", no MAR
Crédito: Adriano Facuri / DivulgaçãoEsculturas, pinturas, lambes, grafites e fotografias na exposição ”Rua!”

A mostra coletiva reúne cerca de 80 obras, entre fotografias, vídeos, grafites e esculturas que integram a Coleção MAR. A exposição está dividida em quatro núcleos: deambulações, ruínas, violência e manifestações. A curadoria é assinada pela equipe do museu, sob coordenação de Marcelo Campos.

Entre os artistas expostos estão nomes como Carlos Vergara, Evandro Teixeira, Paula Trope, Guga Ferraz, Tiago Sant’Ana e Tia Lúcia, entre outros. Além disso, cinco grafiteiros foram convidados para criarem trabalhos especialmente para a mostra, são eles: Panmela Castro, Cruz, Rack, Ramo Negro e Coletivo I love MP.

Exposição "Rua", no MAR
Crédito: Adriano Facuri / DivulgaçãoArtista Guga Ferraz andando de skate na exposição “Rua!”

Um destaque da mostra é a instalação sonora dos artistas Guga Ferraz e Daniel Castanheira: uma rampa de skate com nove metros de comprimento montada no centro da sala, acoplada a um sistema de som que amplifica os ruídos produzidos por skatistas em movimento.

Pega a visão: coletivos da cidade e atletas podem se cadastrar para utilizar a rampa enquanto a exposição estiver em cartaz. Tá fazendo o que aí parado? Partiu!

A exposição “Rua” fica em cartaz no MAR até o mês de abril. Você pode visitar de terça a domingo, das 10h às 17h (exceto entre os dias 22 e 26 de fevereiro, quando o museu não abre por conta do Carnaval). A entrada é gratuita às terças e até R$ 20 nos outros dias.

Tem mais exposições legais no Rio para você aproveitar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.