93ª Festa da Achiropita celebra cultura italiana no Bixiga

Diversos pratos típicos da Itália são preparados em homenagem à padroeira

Por: Redação Comunicar erro
Até
01
de setembro 2019
Sábado - Domingo
Sábados | Das 18h às 00h
Domingos | Das 19h às 00h

Até 1º de setembro, acontece a 93ª edição da tradicional Festa da Nossa Senhora da Achiropita, realizada no bairro do Bixiga. Em homenagem à padroeira do bairro, o festejo atrai cerca de 250 mil pessoas anualmente, revertendo todo dinheiro arrecadado para as obras sociais da Paróquia.

Com entrada gratuita, a celebração conta com 30 barracas (deliciosas) instaladas pelas ruas 13 de Maio, São Vicente e Luiz Barreto, oferecendo pratos típicos da culinária italiana.

Festa da Achiropita - SP
Crédito: DivulgaçãoFesta da Achiropita é quase centenária em SP!

MERCADO DE PINHEIROS: O NOVO POINT DA BOA GASTRONOMIA

Não sabe o que comer na festa? Confira o cardápio clássico:

Peperone Al Forno | Pimentão vermelho assado, recheado com carne de primeira, azeitona, ovos cozidos, salsinha e cebola, coberto com queijo ralado
Melanzana Al Forno | Berinjela recheada com carne moída, ovos cozidos e azeitonas, coberto com molho e queijo ralado
Fogazza | A tradicional massa especial recheada com muzzarela, tomate e orégano
Macarrão | Spaguetti ou penne a moda d’Achiropita
Fricazza | Pizza com massa alta especial coberta de calabresa e muzzarela

Além de antepastos variados, polenta frita pão italiano, churrasco na brasa e muitas outras opções!

Festa de Nossa Senhora da Achiropita
Uma equipe de voluntários preparam fogazzasDivulgação - edição 2014
Festa de Nossa Senhora da Achiropita
Espetinhos de chocolateDivulgação - edição 2014
Festa de Nossa Senhora da Achiropita
E massas italianasDivulgação - edição 2014
Festa de Nossa Senhora da Achiropita
Tudo artesanalmente e com muito amor! Divulgação - edição 2014

A história

No início do século XX, os primeiros imigrantes italianos chegaram ao bairro do Bixiga. Junto com eles, uma imagem de Nossa Senhora Achiropita, que ganhou um altar de madeira na rua de terra batida. Missas e festas eram realizadas na região com o objetivo de construir uma capela para ela.

Nossa Senhora Achiropita foi ganhando espaço, cativando e mobilizando cada vez mais os moradores. Durante a Segunda Guerra Mundial as quermesses tiveram de cessar. Mas as festas voltaram com força na década de 1950 e, desde então, só crescem.

Na década seguinte, surgiu a primeira barraca de comida. Senhoras da comunidade vendiam sanduíches de pernil, que foram muito bem recebidos pelos participantes.

Provavelmente, nesta época, os organizadores nem imaginavam que o sucesso seria tanto e que seria preciso toneladas de alimento para a preparação dos diversos pratos italianos. Nem imaginavam que uma barraca, que apareceu pela primeira vez em 1979, venderia em apenas uma noite 12 mil fogazzas!

Festa de Nossa Senhora Achiropita
Crédito: DivulgaçãoA Festa de Nossa Senhora Achiropita ocorre anualmente na região do Bixiga, São Paulo

Quando o assunto é cultura e gastronomia, São Paulo exala tradição: