‘FestFérias’ agita férias dos pequenos com seis peças de teatro

Tem espetáculo quase todos os dias da semana para a criançada! 😍

Por: Redação
Até
02
de fevereiro 2020
Terça - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado - Domingo
Espetáculos acontecem de terça a domingo, às 15h, e a oficina, no domingo, às 16h30

As férias de verão são o melhor momento do ano para incentivar os pequenos a amar a Cultura desde cedo. Isso porque a cidade fica recheada de programas bacanudos como o FestFérias, que tem atrações para curtir de terça a domingo. 😎

FestFérias
Crédito: DivulgaçãoTeatro Commune tem espetáculos de terça a domingo no 1º FestFérias

A primeira edição da mostra conta com seis espetáculos e a oficina “Quem Quer Faz”, com Carlos Meceni e Renan Pessoa, que acontece aos sábados, às 16h30, e ensina a criançada a construir bonecos e soltar a criatividade para contar histórias.

Entre os destaques estão “O Autinho da Compadecida”, uma adaptação infantil da obra de Ariano Suassuna; “Panos e Lendas”, que narra a criação do mundo a partir do olhar de dois indígenas; e “Pela Estrada Afora…com Chapeuzinho Vermelho”, que inverte os papeis de vilão e mocinho nesse clássico infantil.

FESTIVAL DE FÉRIAS DO VIRADALATA TEM PEÇAS INCRÍVEIS PRA CRIANÇADA

A primeira edição do FestFérias acontece no Teatro Commune entre os dias 12 de janeiro e 2 de fevereiro, com sessões de terça a domingo, às 15h. Os ingressos são vendidos por até R$40 diretamente na bilheteria.

Bora sair da frente da telinha?

A programação completa com os horários e as datas você confere abaixo:

  • O Autinho da Compadecida, com direção de Ronaldo Saad
    Quando:
    domingos, dias 12, 19 e 26 de janeiro e 2 de fevereiro, às 15h
    Duração:
    60 minutos. Classificação etária: livre
O Autinho da Compadecida
Crédito: Divulgação‘O Autinho da Compadecida’ abre programação do Festférias e é apresentado aos domingos

Inspirada na obra “O Auto da Compadecida”, de Ariano Suassuna, essa adaptação foi feita especialmente para crianças e adolescentes. O espetáculo cria um retrato do sertão nordestino ao narrar as peripécias da dupla João Grilo e Chicó na cidade de Taperoá, na Paraíba.

  • Sukata, o Musical, com direção de Alexia Annes
    Quando: terças-feiras, dias 14, 21 e 28 de janeiro, às 15h
    Duração: 60 minutos. Classificação: livre.
Cena de Sukata, o Musical
Crédito: Dayana Andrade - Coletivo FotomixSukata, o Musical ensina para as crianças a importância da reciclagem

As amigas Suzana, Katarina e Tânia sonham juntas em criar um mundo melhor. Elas iniciam um trabalho de reciclagem e uma aventura repleta de desafios em “Sukata, O Musical”. O espetáculo mescla música, teatro e dança e ensina aos pequenos a importância sustentabilidade.

  • The Cat in The Hat, de Luccas Garcia (contação de histórias em inglês)
    Quando:
    quartas-feiras, dias 15, 22 e 29 de janeiro, às 15h
    Duração: 40 minutos. Classificação: livre
The Cat in The Hat
Crédito: DivulgaçãoA contação de histórias “The Cat in the Hat” é apresentada no FestFérias às quartas-feiras

Indicado para crianças que já tenham uma noção de inglês (pois a peça é totalmente encenada nessa língua), “The Cat in The Hat” é uma contação de histórias musicada sobre dois irmãos muito diferentes que precisam lidar com a volta às aulas.

Esse divertido caso é narrado pelo Gato de cartola vermelha e branca, personagem do famoso livro de Dr. Seuss. A ideia é mostrar a todos que estar na escola é fundamental e esse pode ser o melhor momento do dia.

  • Panos e Lendas, com a Cia. Pic Nic
    Quando:
    quintas-feiras, dias 16, 23 e 30 de janeiro, às 15h
    Duração: 60 minutos. Classificação: livre.
Cena de "Panos e Lendas"
Crédito: Ronaldo Gutierrez“Panos e Lendas” explora o universo da cultura popular brasileira

“Panos e Lendas” narra a criação do mundo a partir do olhar de dois índios, de suas raízes e de seus costumes, mostrando o ciclo da vida com ternura e simplicidade.

A peça mistura lendas, parlendas e cantigas de roda e de ninar, como “Terezinha de Jesus”, “O Cravo brigou com a Rosa” e “Tutu Marambá” , cantadas e tocadas ao vivo pelos atores.  O espetáculo tem 20 anos de sucesso e já fez mais de 1.400 apresentações.

  • “Pela Estrada Afora… com Chapeuzinho Vermelho”, com a Cia Gogô de Teatro
    Quando:
    sextas-feiras, dias 17, 24 e 31 de janeiro, às 15h
    Duração: 60 minutos. Classificação: livre.
Pela Estrada Afora...com Chapeuzinho Vermelho
Crédito: Diego ChimenesA peça ensina a criançada que não devemos julgar as pessoas por suas aparências

A peça narra a história de Chapeuzinho Vermelho, uma garota pré-adolescente que vive com sua mãe em uma cidadezinha no interior. Certo dia, indo visitar a avó e levando dinheiro para ela, encontra pelo caminho um caçador com “boa aparência”. Mal-intencionado, ele a convence a contar a sua história e pede para acompanhá-la.

No caminho, Chapeuzinho encontra um lobo meio esquisitão que descobre os planos do caçador e tenta avisá-la sobre o perigo. O lobo salva Chapeuzinho e sua avó e ensina à criançada que não se deve julgar as pessoas pela aparência.

  • “Em Busca da Boneca Azul”, com a Cia. Lúdica
    Quando: sábados, dias 18 e 25 de janeiro e 1º de fevereiro, às 15h
    Duração: 55 minutos. Classificação: livre (indicado para crianças a parti de 2 anos).
Em Busca da Boneca Azul
Crédito: Divulgação“Em Busca da Boneca Azul” é encenada aos sábados no FestFérias

A criançada conhece a história dos palhaços Tulipa e Tabefe no espetáculo “Em Busca da Boneca Azul”. Os dois recebem uma mensagem revelando o desaparecimento da boneca Azul, que é bailarina. Eles se transformam em detetives para encontrá-la, porém são surpreendidos pelas armadilhas e magias de Líria, uma habilidosa feiticeira, e seu assistente, o desastrado Panklata, que vão criando obstáculos para que o mistério da Azul não seja desvendado.

  • Oficina: “Quem Quer Faz”, com Carlos Meceni e Renan Pessoa
    Quando: sábados, dias 18 e 25 de janeiro e 1º de fevereiro, às 16h30
    Indicação: crianças de 5 a 12 anos
Oficina Quem Quer Faz
Crédito: DivulgaçãoNa oficina “Quem Quer Faz”, a criançada é estimulada a soltar a criatividade

Na oficina “Quem Quer Faz”, as crianças são surpreendidas com a seguinte fala: “Vocês vieram assistir né? Engano, nós vamos assistir. Vocês é que vão fazer o espetáculo”. A partir deste momento, os atores começam a fazer um boneco com folhas de jornal.

Logo após a demonstração, as crianças são divididas em grupos e os atores distribuem o material – jornal, fita crepe, cola, lã etc. – para que os participantes possam criar os próprios bonecos e, em seguida, contar a sua história.  O objetivo da atividade é estabelecer um jogo dramático, no qual todos os presentes acabam se envolvendo em uma experiência criativa, lúdica, libertária, organizacional de liderança e trabalho em grupo.

Aproveite as férias sem gastar muito:

1
BH: Jetiboca tem café incrível a R$ 3, pão de queijo e muito amor
Um dos lugares mais incríveis e inusitados no centro de Belo Horizonte, em Minas Gerais, é o Mercado Novo. Há …
2
3 trilhas no Rio com vistas de tirar o fôlego
Esse vídeo é para os amantes de ecoturismo, ou mesmo para quem quer começar a fazer trilhas e se conectar …
3
Parque da Pedra Branca no RJ: a maior floresta urbana do país
Pega um calçado confortável, passar protetor e repelente e Colaí nessa caminhada pelas trilhas do Parque da Pedra Branca, a …
4
Roteiro zen para fugir do caos de SP
Viver em SP é estar sempre ligadão no 220. Mas é legal dar uma freada no corre corre, né não? Colaí …
5
3 rolés pra curtir no Baixo Tijuca no Rio de Janeiro
A região do Baixo Tijuca tem muito o que oferecer quando o assunto é cerveja gelada! Colaí que eu tenho as …
6
Arena Digital de Curitiba: cinema e planetário no mesmo lugar
Ver as estrelas, mergulhar no fundo do mar, conhecer de pertinho todo o sistema solar. Tudo isso é possível em …
7
Uma voltinha no Mercado Público de Porto Alegre
Mais do que um ponto turístico, o Mercado Público de Porto Alegre concentra consumo, crença, cultura e tradição no centro …
8
3 jóias gastronômicas antigas de São Paulo
Afinal, panela velha é a que faz comida boa? Se depender da Casa Mathilde, da Padaria Santa Tereza e do …