Últimas notícias:

Loading...

Dia Mundial do Acordeom ganha evento virtual imperdível

Programação reúne acordeonistas de vários países e celebra o centenário do grande Astor Piazolla

Por: Redação
Ouça este conteúdo

06 de maio de 2021

A partir das 15h

Recursos de acessibilidade para pessoas com deficiência não informados

A festa de comemoração ao Dia Mundial do Acordeom, um dos instrumentos mais admirados, românticos e classudos de todos os tempos, está simplesmente INCRÍVEL. Uma live linda, com mais de 15 atrações, é comandada por grandes músicos de vários países!

Dia Mundial do Acordeom - Hermeto Pascoal, Inês Vaz e Oswaldinho do Acordeon
Crédito: Gabriel Quintão | divulgação | divulgaçãoHermeto Pascoal, Inês Vaz e Oswaldinho do Acordeon

A transmissão é gratuita e acontece no dia 6 de maio, a partir das 15h, por meio do site da Rythmica Web TV… Você não tem desculpa para perder!

Entre as atrações brasileiras que mostram seu talento na live do Dia Mundial do Acordeom, estão os mestres Hermeto Pascoal, Oswaldinho do Acordeon, Renato Borghetti e Luizinho Calixto.

Já os convidados internacionais são os portugueses João Barradas, Inês Vaz, Nelson Conceição e João Frade; o italiano Mirco Patarini; o lituano Laimonas Salijus; o sérvio Petar Maric e a ucraniana Irina Serotyuk.

Todas essas feras se encontram também para celebrar o centenário do lendário bandoneonista e compositor argentino Astor Piazzolla (1921 -1992), que revolucionou o tango.

Astor Piazzolla - Dia Mundial do Acordeom
Crédito: Carlos EbertLive de “Dia Mundial do Acordeom” celebra os 100 anos de Astor Piazzolla

À frente do Octeto Buenos Aires, criado em 1955, Piazzolla inaugurou a era do novo tango, ao misturar elementos do folclore e da música clássica ao jazz. Entre suas grandes composições estão “Adios Nonino”, “Libertango”, “La muerte del Angel” e “Tristezas de un Doble ou Oblivion”.

Um pouco de história…

6 de maio de 1829 entrou para a história como o Dia Mundial do Acordeom, pois foi quando o armênio Cyrill Demian registrou a patente do primeiro protótipo desse instrumento em Viena, na Áustria.

A efeméride foi reconhecida só em 2009, pela Confederação Internacional dos Acordeonistas. E, a partir de então, grupos, orquestras, instituições de ensino e outras instituições passaram a fazer eventos para celebrar e promover o instrumento.

Tem muita coisa legal para curtir em casa:

Compartilhe: