Mirante do Edifício Martinelli volta a ter visitas gratuitas

Depois de dois anos fechados, os terraços de um dos arranha-céus mais famosos de SP voltam a receber visitas.

Por: Redação Comunicar erro
Todos os dias
11h, 12h, 13h, 14h30, 15h30, 16h30, 17h30, 18h30.

Fechado desde 2017, o Edifício Martinelli volta a receber visitas gratuitas em seus terraços. E isso é só o começo dos planos para o espaço, que tem planos para, em breve, receber um museu contando a história do prédio fundado em 1929, uma cafeteria e um bar.

Depois de dois anos, Edifício Martinelli volta a receber visitas em seus terraços
Crédito: Eduardo LopesDepois de dois anos, Edifício Martinelli volta a receber visitas em seus terraços

O objetivo da reabertura é voltar a ter o local como ponto turístico do centro paulistano, além de contribuir para o aumento das pessoas na região central. Com a abertura de uma cafeteria, um centro cultural e um bar, o edifício pode contribuir para o fluxo na região, principalmente em horários não comerciais.

Enquanto os planos não saem do papel, o que dá pra se fazer no Martinelli é a visitação que agora funciona todos os dias, incluindo domingos e feriados. O passeio é gratuito e para curtir uma das vistas mais bonitas da cidade, o interessado deve se inscrever com 30 minutos de antecedência na portaria do prédio.

Os horários das visitas são: 11h, 12h, 13h, 14h30, 15h30, 16h30, 17h30, 18h30.

Sobre o Edifício Martinelli
edifício martinelli
Crédito: divulgaçãoEm breve, espaço vai abrigar um café, um bar e um museu

Inaugurado em 1929 pelo empresário italiano Giuseppe Martinelli, o edifício que leva seu sobrenome foi o segundo arranha-céu de São Paulo, depois do Sampaio Moreira, de 1924. Nos anos 50, o Martinelli se transformou em uma espécie de cortiço. Duas décadas depois, durante a ditadura militar, a prefeitura anunciou a desapropriação do local e restaurou o imóvel. Em 1980, o prédio foi tombado. Em 2008, a sua cobertura foi restaurada e aberta à visitação a partir de 2010. As visitas foram interrompidas em 2017 e voltam para nossa alegria a partir de 2019.