MIS celebra 70 anos de Almodóvar com maratona de cinema gratuita!

Um dos destaques é a exibição de “Dor e glória” (2019), filme com Penélope Cruz e Antonio Banderas

Por: Redação Comunicar erro
Até
29
de setembro 2019
Terça - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado - Domingo
Das 15h às 20h - confira programação completa

Em 2019, Pedro Almodóvar completa 70 anos de genialidade cinematográfica. Para celebrar sua vida e obra, o Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS-SP) apresenta uma mostra retrospectiva do cineasta espanhol.

cenas de filmes de pedro almodóvar
Crédito: ReproduçãoOs 70 anos de vida e obra de Almodóvar são celebrados em retrospectiva pra lá de especial, no MIS

Um dos destaques é a exibição de “Dor e glória”, filme com Penélope Cruz e Antonio Banderas que estreou no Festival de Cannes deste ano. O longa é dito como uma espécie de “autobiografia” do diretor por estar carregada de semelhanças à vida de Almodóvar.

O filme narra a história de Salvador Mallo (Antonio Banderas), um melancólico cineasta em declínio que se vê obrigado a pensar sobre as escolhas que fez na vida quando seu passado retorna. Entre lembranças e reencontros, ele reflete sobre sua infância na década de 1960, seu processo de imigração para a Espanha, seu primeiro amor maduro e sua relação com a escrita e com o cinema.

MAIS CINEMA PRA VOCÊ: FESTIVAL EXIBE DO CLÁSSICO AO NOVO EM MEGA TELÃO AO AR LIVRE

As sessões da retrospectiva vão exibir também boa parte da filmografia em longa-metragem do diretor, incluindo filmes aclamados como:

  • “Maus hábitos”

Um dos primeiros longa de Almodóvar, “Maus hábitos” conta a vida de Yolanda Bel (Cristina Sánchez Pascual), uma cantora de cabaré que leva uma vida desregrada até o dia em que presencia a morte por overdose de seu namorado.

'Maus hábitos' é um filme de 1999, de Almodóvar
Crédito: Reprodução‘Maus hábitos’ é um filme de 1999, de Almodóvar

Procurada pela polícia, ela decide buscar refúgio no convento das Redentoras Humilhadas, cuja Madre Superiora é sua grande fã. Lá, encontra uma comunidade de freiras pobres que já foram prostitutas, viciadas, cafetinas, criminosas e, mesmo no convento, não abandonaram os maus hábitos.

  • “Julieta”

Já neste drama de Almodóvar, Julieta (Emma Suárez/Adriana Ugarte) é uma mulher de meia idade que está prestes a se mudar de Madri para Portugal, para acompanhar seu namorado Lorenzo (Dario Grandinetti).

Entretanto, um encontro fortuito na rua com Beatriz (Michelle Jenner), uma antiga amiga de sua filha Antía (Blanca Parés), faz com que Julieta repentinamente desista da mudança. Ela resolve se mudar para o antigo prédio em que vivia, também em Madri, e lá começa a escrever uma carta para a filha relembrando o passado entre as duas.

  • “A pele que habito”

Um dos suspenses mais agonizantes do cinema, esse longa de Almodóvar tem no elenco o queridinho do cineasta, Antonio Banderas, como Roberto Ledgard um conceituado cirurgião plástico, que vive com a filha Norma (Blanca Suárez). Ela possui problemas psicológicos causados pela morte da mãe, que teve o corpo inteiramente queimado após um acidente de carro e, ao ver sua imagem refletida na janela, se suicidou.

O médico de Norma acredita que esteja na hora dela tentar a socialização com outras pessoas e, com isso, incentiva que Roberto a leve para sair.  O cirurgião pensa que a filha foi estuprada e elabora um plano para se vingar do suposto estuprador.

  • “Mulheres à beira de um ataque de nervos”

A comédia dramática de Almodóvar também se passa em Madri. Pepa Marcos (Carmen Maura), uma atriz que está grávida (mas ninguém sabe), é abandonada por Ivan (Fernando Guillén), seu amante, e se desespera tentando encontrá-lo.

cena de Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos
Crédito: ReproduçãoA comédia dramática do espanhol estreou nos cinemas em 1988

Ela recebe a visita de Candela (María Barranco), uma amiga que se apaixonou por um desconhecido e agora que descobre que o amado é um terrorista xiita, temendo ser presa. A mulher de Ivan descobre a traição do marido e tenta matá-lo. Pepa quer fazer de tudo para salvar a vida de Ivan.

A retrospectiva Pedro Almodóvar do MIS acontece entre 24 e 29 de setembro. Os ingressos custam até R$ e os horários das sessões e a programação completa você pode conferir aqui.

Você vai gostar dessa outra mostra de cinema:

O CCBB São Paulo vai receber uma das mais completas mostras com a obra de Stephen King, o rei do horror mundial!