Últimas notícias:

Loading...

Mostra de Cinema Soviético e Russo exibe filmes clássicos 🎬

Festival dedicado ao maior e mais tradicional estúdio de cinema da Rússia ganha uma edição virtual imperdível! Confira a programação:

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Até 13 de dezembro de 2020

Todos os dias

Diversos horários (confira a programação)

Alô, cinéfilos! Vocês não podem perder a edição virtual da Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo, que exibe de graça 13 filmões no canal da CPC-UMES Filmes entre os dias 3 e 13 de dezembro.

Fiquem ligades, pois os títulos têm horários específicos de exibição e, depois de cada sessão, ficam disponíveis por apenas seis horas. É preciso se programar para não perder nada. 😉

Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo - A infância de Ivam
Crédito: Divulgação“A Infância de Ivan” (1962), de Andrei Tarkovsky, é um dos destaques da Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo

A 7ª edição da mostra marca os 75 anos do fim da Segunda Guerra Mundial e comemora o centenário do diretor Serguei Bondarchuk. Um dos destaques é justamente “Um Destino de um Homem” (1959), o filme de estreia desse cineasta, uma adaptação do romance de Mikhail Sholokhov, que, em 1965, venceria o Prêmio Nobel de Literatura.

Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo
Crédito: Divulgação“O Destino de um Homem” (1959) marcou a estreia de Serguei Bondarchuk, o homenageado na Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo

Na trama, o soldado Andrei é capturado durante a guerra e jogado em um campo de concentração. Quando retorna ao lar, não encontra sua mulher e filhos, que foram mortos pelos fascistas.

Mais um filme sobre esse trágico período é o clássico “A Infância de Ivan” (1962), que marcou a estreia de Andrei Tarkovsky na direção e venceu o prêmio Leão de Ouro no Festival de Veneza.

Com apenas 12 anos, Ivan fica órfão quando sua família é morta pelos alemães que invadiram o território soviético em 1941. Ele decide, então, apoiar o Exército Vermelho e, graças à sua pequena estatura, consegue atravessar as linhas inimigas e coletar informações sem ser visto.

O sol branco do deserto
Crédito: Divulgação“O Sol Branco do Deserto” (1969), de Vladimir Motyl, é uma mistura de ação, comédia, drama e musical

Já o sucesso de bilheteria “O Sol Branco do Deserto” (1969), de Vladimir Motyl, mistura ação, comédia, drama e musical. Com o fim da guerra civil, o soldado Sukkhov volta para casa pelas areias do Turquestão. Lá, encontra um destacamento do Exército Vermelho que persegue o bando de Abdullah, e o protagonista acaba sendo encarregado de escoltar o harém desse outro homem a um lugar seguro.

Para dar uma leve quebrada em toda essa intensidade russa, assista à comédia musical “Tanya” (1940), de Grigori Aleksandrov, que ficou conhecida como a “Cinderela Soviética”.

Tanya
Crédito: DivulgaçãoA comédia musical “Tanya” ficou conhecida como “Cinderela Soviética”

Expulsa do serviço doméstico por uma amante ciumenta, Tanya se torna tecelã e passa a fazer parte do movimento Stakhanov de inovação no trabalho (1935-1941). Ela cria um processo que lhe permite controlar uma oficina de 150 máquinas, ao invés de 8 máquinas, que era o padrão na época.

Outra comédia excêntrica é “Ivan Vassilevich Muda de Profissão” (1973), de Leonid Gayday. Baseado na peça de Mikhail Bulgakov, o filme brinca com o poder desafiante da ciência. O jovem Shurik constrói uma máquina do tempo que, por acidente, transfere ao século 20 o czar Ivan, o Terrível.

Crédito: DivulgaçãoJá pensou se o czar Ivan, o Terrível, fosse transportado para os nossos dias?

Também vale a pena conferir o drama “Moscou Não Acredita em Lágrimas” (1979), de Vladimir Menshov, vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 1981. Tudo começa quando as jovens Katya, Antonina e Lyudmila chegam cheias de sonhos a Moscou em 1958. Ao longo de duas décadas, acompanhamos suas vitórias, fracassos, desejos, desilusões e conquistas.

Crédito: Divulgação“Moscou Não Acredita em Lágrimas” ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro

O Mosfilm é o maior e mais tradicional estúdio de cinema da Rússia e também um dos maiores da Europa. Na mostra, serão exibidos vários filmes que foram restaurados nos últimos 10 anos. A diversidade de gêneros também chama a atenção na curadoria.

Legal, né? Confira aqui a programação completa da 7ª Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo.

Temos muitas e muitas de dicas para você curtir em casa, cinéfile!

Compartilhe: