Museu do Ipiranga em Festa tem teatro, dança, música e exposições

OSUSP no primeiro Museu do Ipiranga em Festa, em 2017

site: www.prefeitura.sp.gov.br

telefone: (11) 2273-7250

Por: Redação | Comunicar erro

Evento comemora os 196 anos da Independência do Brasil com diversas atividades gratuitas no Parque da Independência

Quer aproveitar o feriadão de 7 de setembro ao ar livre curtindo diversas atividades culturais gratuitas? A 2ª edição do Museu do Ipiranga em Festa pode ser a salvação dos seus problemas! Nos dias 7 e 8 de setembro, o Sesc e a USP prepararam uma programação toda especial no Parque da Independência, em São Paulo.

Fachada do Museu do Ipiranga
Crédito: Helio Nobre - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaMuseu do Ipiranga em festa promove diversas atrações gratuitas no dias 7 e 8 de setembro
Foto em preto e branco de maracatu
Crédito: Ailton Martins - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaMaracatu ganha espaço na 2ª edição do Museu do Ipiranga em Festa
Dança com Mané Boneco
Crédito: Kelson Barros - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaGrupo Zumb.Boys apresenta dança com Mané Boneco durante o Museu do Ipiranga em Festa
Ilú Obá de Min
Crédito: Luciana Kury - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaIlú Obá de Min apresenta o cortejo Akotirenes Yibi das Mulheres Quilombolas durante o Museu do Ipiranga em Festa
Grupo Galtão no sarau De Tempo Somos
Crédito: Guto Muniz - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaGrupo Galpão apresenta o sarau De Tempo Somos durante o Museu do Iporanga em Festa
Público do Museu do Ipiranga em Festa e a OSUSP
Crédito: Lenise Pinheiro - Divulgação - Museu do Ipiranga em FestaOSUSP no primeiro Museu do Ipiranga em Festa, em 2017

O sucesso da primeira edição, que aconteceu durante um dia em 2017, fez o evento dobrar de tamanho. As atrações são para todos os gostos. Tem teatro, performance, dança, música, concerto, exposições, projeções mapeadas. É só chegar e curtir!

O evento

No dia 7, alguns dos destaques são o cortejo Akotirenes Yibi das Mulheres Quilombolas, com 45 integrantes do grupo Ilú Obá de Min, que apresenta a história das mulheres quilombolas (17h, da esplanada até o Monumento), a intervenção do Grupo Galpão que trata da alteridade (14h, na esplanada e alameda oeste) e as apresentações do Grupo de Sopros da Orquestra Petrobras Sinfônica (11h, na esplanada) e da OSUSP e Coral USP (18h, no Monumento).

Já no dia 8, tem o cortejo do Terno Moçambique Estrela Guia, com ritmos e danças que representam a cultura afro-brasileira no congado mineiro (17h, da esplanada até a entrada Patriotas), e o sarau lítero-musical do Grupo Galpão, De Tempo Somos, dirigido por Lydia Del Picchia e Simone Ordones, que reúne 25 canções de espetáculos do grupo (18h, na Praça Cívica).

O maracatu, o cordel e o jongo também ganham espaço ao longo destes dias. Algumas destas atrações são os Guaranis Mbya que apresentam a Roda Xondaro, uma dança de guerreiro realizada em preparação para a caça e para enfrentar o inimigo (14h, na entrada Patriotas) e o grupo de dança Zumb.Boys, que traz a intervenção Mané Boneco, criada a partir do brinquedo “mané gostoso” e que ativa o imaginário infantil e a memória afetiva por meio de uma dança de giros ao som de poesia de cordel (15h, na esplanada).

Além das atrações no parque, é possível visitar a exposição “Papéis Efêmeros”, outra parceria entre a USP e o Sesc que fica em cartaz até o dia 9 de setembro. A mostra traz um acervo inusitado do Museu do Ipiranga, com cerca de 500 peças gráficas que revelam hábitos e costumes dos brasileiros entre o ano de 1890 e o fim da década de 1990. Com curadoria do designer Chico Homem de Melo e da diretora do museu Solange Ferraz de Lima, a exposição explora o design de impressos cujo destino mais comum costuma ser o descarte após o uso.

Os três dias são encerrados com três sessões de projeção mapeada na fachada do museu, às 19h, às 19h20 e às 19h40. As imagens foram criadas pelo VJ Alexis Anastasiou (Visualfarm) com curadoria da artista visual Giselle Beiguelman. Na sexta e no sábado, a atração acontece com recurso de acessibilidade para o público cego.

Confira a programação completa no site.

Compartilhe:

Tags: #ao ar livre #Ar Livre #Museu do Ipiranga #shows ao ar livre
Autor: Por: Redação
1 / 8
1
03:00
Casa das Rosas: uma viagem no tempo na Avenida Paulista
Tem um cantinho histórico na Avenida Paulista, que é uma verdadeira viagem no tempo. Além de ser uma das construções mais …
2
05:40
Roteiro de férias: o que fazer em SP gastando pouco ou quase nada
Chegaram as férias de julho, e com ela diversos eventinhos lindos rolando em São Paulo! Para te dar aquele empurrãozinho …
3
02:44
Museu Mais Doce do Mundo: conheça o lugar mais instagramável de SP
Já pensou em “nadar” numa piscina de marshmallows, entrar em um donut gigante ou pular numa grande batedeira? Pois sua …
4
03:52
3 lugares em SP para você que é um apaixonado por livros
A cidade de São Paulo reserva ótimas surpresas para os apaixonados por livros. E é por isso que a Catraca …
5
04:21
Conheça um lugar onde criatividade e inovação fazem parte do dia a dia
A EBAC, além de oferecer uma série de cursos de graduação, especialização e iniciação em áreas como arte, design, audiovisual, …
6
03:17
3 bares em São Paulo escondidos em subsolos + 1 bônus imperdível
Entre o pé sujo e o bar classudo, há mais points inusitados do que a nossa mente pode imaginar! Como …
7
05:36
5 festas juninas em SP para comer até sair rolando
Chega junho e o coração até derrete! É tempo de Santo Antônio, forró arrasta pé, milho, fogueira, quentão, vinho quente, …
8
04:26
O melhor do fim de semana em SP: 27 e 28 de abril
Oi, pessoal! Vim aqui só com boas notícias! Tenho dicas maravilhosas para você curtir seu final de semana em São …