Imagem do Topo

‘Música no Deck’ realiza shows grátis aos sábados no Sesc Santana

Em setembro, unidade recebe Gabriela Silveira, Taryn Donath Duo, Cafuá, Lê Ferreira e São Paulo Improvisadores Orquestra

Por: Redação | Comunicar erro

Quer conhecer novas sonoridades? O projeto “Música no Deck” apresenta talentos em ascensão na cena musical atual em shows grátis que acontecem aos sábados, sempre às 19h, no Sesc Santana, na zona norte de São Paulo. Em setembro, o jardim da unidade recebe Gabriela Silveira, Taryn Donath Duo, Cafuá, Lê Ferreira e São Paulo Improvisadores Orquestra, entre os dias 1º e 29. Não é preciso retirar ingressos.

Integrantes da Banda Cafuá
Crédito: divulgação - Sesc ConsolaçãoCafuá se apresenta no dia 15 de setembro
Lê Ferreira
Crédito: divulgação - Sesc ConsolaçãoLê Ferreira se apresenta no dia 22 de setembro
Gabriela Silveira
Crédito: divulgação - Sesc ConsolaçãoGabriela Silveira se apresenta no dia 1º de setembro
São Paulo Improvisadores em Orquestra
Crédito: divulgação - Sesc ConsolaçãoSão Paulo Improvisadores em Orquestra se apresenta no dia 29 de setembro
Taryn Donath
Crédito: Gail Burlingame - divulgação - Sesc ConsolaçãoTaryn Donath Duo se apresenta no dia 8 de setembro, no Sesc Santana

A cantora Gabriela Silveira mostra ao público as canções de seu disco inaugural, “Corrente” (2017), em um show de lançamento que acontece no dia 1º de setembro. O álbum, que flerta com ritmos como samba, baião, xote, congada, maracatu, bolero e bossa, traz canções inspiradas em vivências de luto que a compositora e percussionista experimentou em sua vida.

Com influências do jazz e do soul dos anos de 1960 e do beatnik blues, a cantora e pianista norte-americana Taryn Donath comanda um show no dia 8. O repertório, que é uma surpresa a cada apresentação da artista, é composto por canções desses estilos. Ela sobre ao palco junto com o baterista Matthew Taylor.

Nascida em Botucatu, no interior de SP, a instrumental Cafuá mostra suas influências de ritmos da música africana em um show no dia 15. O grupo é formado por Guilherme Chiappetta (contrabaixo), Thiago Righi (guitarra), Fernanda Almeida (percussão), Julio Astral (djembê), Samuel Ramos (saxofone) e Geh Paes (trombone). No repertório, há canções autorias como “Três Pedras e um Gigante”, “Aiélo”, “Cafuchi” e “Lá Vai Naná”.

O cantor Lê Ferreira interpreta sucessos da MPB e do jazz no dia 22 de setembro, acompanhado por Kadu Moschetto (violão e guitarra), Edinho Domingues (percussão) e Franklin Balmante (baixo). Ele tem influências de feras como Elis Regina, Milton Nascimento, Caetano Veloso, Belchior, Nat King Cole, Billie Holiday e Frank Sinatra.

Para fechar a programação, no dia 29, a São Paulo Improvisadores em Orquestra (SPIO) mostra seu trabalho de improvisação musical livre por meio da regência. O grupo experimental, que reúne músicos com as mais diferentes trajetórias, toca instrumentos tradicionais e aparatos eletrônicos  inventados.