O que fazer nas férias de julho: descubra passeios imperdíveis em SP

Você tem inúmeros motivos para sair de casa e curtir SP! Bora?

Por: Redação Comunicar erro

Chegaram as férias de julho, e com ela diversos eventinhos lindos rolando em São Paulo! Para te dar aquele empurrãozinho cheio de amor e cultura, selecionamos dicas maravilhosas para curtir o mês gastando bem pouquinho ou NA-DA!

Crédito: DivulgaçãoDa esquerda para direita: Mercado Municipal , MASP e Pinacoteca

6 ROLÊS TRADIÇÃO QUE TODO MUNDO PRECISA FAZER! 

Você pode passear por exposições, shows, restaurantes, cinemas….O que o coração mandar. Saca só nossa seleta sem erro:

  • Corredor Paulista

A avenida mais famosa de SP reúne incontáveis opções culturais! Só de caminhar de um ponto ao outro você já encontra gastronomia, barzinhos, livrarias e lojinhas diversas… Mas o que importa mesmo são as atrações culturais!

O Corredor Paulista conta com espaços como Casa das Rosas, Japan House, Itaú Cultural, IMS Paulista e, é claro, o MASP, que oferece entrada free às terças-feiras.

Fica a dica: até 28 de julho, o Museu de Arte de São Paulo exibe as mostras “Tarsila Popular” e “Lina Bo Bardi: habitat”.

AH! Em frente ao MASP fica o Parque Trianon, e atrás, o Mirante 9 de Julho. Duas belas pedidas para um rolê ao ar livre!

Para xs cinéfilos, a região está bem servida com o Espaço Itaú Unibanco e o Petra Belas Artes.

  • Sescs 

A rede Sesc SP soma 40 unidades recheadas de atividades inéditas, baratinhas e realmente imperdíveis – entre elas os showzões que rolam quase que diariamente!

  • Museus 

Outra dica esperta é visitar museus pagos em dias especiais, com entrada na faixa! Aos sábados, a Pinacoteca e o MAM não cobram ingressos; Às terças, a entrada é garantida nos MIS, Museu do Futebol e MASP.

Quem passar pelo Museu do Futebol pode prestigiar o futebol feminino na mostra “Contra-Ataque”.

  • Gastronomia

Para fechar com chave de ouro…Bora pras dicas gastronômicas? <3 Um rolê quentinho e tradicional é o Festival de Sopas Ceagesp, que vai rolar o mês todinho!

Outro parada obrigatória é o Mercadão Municipal, recheado de pratos, quitutes e banquinhas tradicionais.

LEIA MAIS: São Paulo retrô: passeios históricos guardam a memória da cidade