Informar

O que você precisa saber antes de visitar Roma

Eu não ia escrever sobre Roma. Vocês já sabem onde ir e o que fazer na cidade. Os pontos turísticos estão entre os mais famosos do mundo. A culinária italiana está presente em todo canto e você, provavelmente, já tem o seu roteiro pronto ou bem encaminhado.

Foto: Luís Felipe de Magalhães

Tudo isso sobre ser uma grande capital europeia com palácios e filas e tal é verdade, mas mas não significa que você não vai gostar de lá. Aliás, se apaixonar. Roma é uma cidade que faz você querer voltar o mais rápido possível, quando não ficar lá pra sempre.

Então eu fiz esse post com o que você precisa saber quando visitar Roma, só para ter uma noção melhor da cidade e não se prender em nenhum roteiro.

Os italianos

Você provavelmente já deve ter ouvido de alguém que todo italiano é grosso, mal-educado e um monte de coisa ruim. Não é assim, confia em mim. Eles são simplesmente diretos, sem enrolação e sem puxar seu saco porque você é turista.

Foto: Luís Felipe de Magalhães

Não espere um tapete vermelho quando entrar num restaurante, mas também não espere ser mal tratado. A maioria dos que eu encontrei, principalmente no sul da Itália, sabiam muito da cultura brasileira e gostava muito de nós.

O transporte

Pra mim essa é a informação mais importante e não se aplica só em Roma, mas em toda a Itália. Da capital italiana você pode ir do norte ao sul do país de trem e pagando bem pouco. Pode parecer uma coisa não tão importante, mas pense que, em 20 dias, você pode conhecer o país inteiro de norte a sul.

Andar a pé em Roma é uma delícia

Dentro da cidade, o metrô é o jeito mais fácil de chegar nos lugares. Mas Roma é uma das cidades mais fáceis para o turismo na Europa, porque todas as atrações ficam bem próximas uma da outra, com exceção do Vaticano. Então, dependendo de onde você estiver hospedado, nem vai precisar usar o transporte público.

As melhores atrações

Faça o roteiro que bem entender. A cidade de Roma já é uma atração por si só, um museu a céu aberto. Na minha opinião o lugar que você não pode deixar de ir é na Basílica de São Pedro, no Vaticano. O lugar é de tirar o fôlego até do mais ateu. A basílica é enorme, toda decorada, simplesmente impressionante.

Você pode também ir até o teto da basílica para ter uma visão sensacional da cidade. Vale muito a pena. A entrada na igreja é de graça, mas a visita no telhado custa 5 euros. 7 euros se você quiser ir de elevador (a subida de escada é bem tensa, mas interessante).

A vista do telhado da Basílica
A noite, a Fontana de Trevi também é linda

Tirando a Basílica, o Foro Romano também me impressionou bastante. O melhor de tudo é que esses dois lugares não tem aquela fila quilométrica da Coliseu ou da Capela Sisitina, então você consegue aproveitar de verdade.

A Fontana de Trevi é um lugar incrível também, mas tem tanto turista que as vezes enche o pouco a paciência ficar lá por muito tempo.

A dica de ouro sobre as atrações é: não aperte seu roteiro. Não tente fazer tudo em um dia correndo, não vale a pena. A graça de Roma está em andar nas ruas estreitas da cidade, sem pressa, só aproveitando.

Saiba das outra atrações, dos preços e filas, além de onde NÃO FICAR no post completo aqui.

Compartilhe: