Nublu Festival une artistas incríveis no palco do Sesc Pompeia

Festival recebe shows de John Cale, Femi Kuti, yasiin bey, Juçara Marçal, Otis Trio 7, Negra Li e IFÁ... Só pedrada musical!

Por: Redação

Até 15 de março de 2020

Quinta - Sexta - Sábado - Domingo

Quinta a sábado, a partir das 20h30; domingo, a partir das 18h

Parte do calendário musical brasileiro, o Nublu Festival completa 10 anos em 2020 e vai comemorar essa década do melhor jeito possível: com artistas de diversas partes do mundo, como Femi Kuti (afrobeat), John Cale (rock), e yasiin bey, antes conhecido como Mos Def (hip-hop).

Este ano o evento ganha um dia a mais, encerrando com a apresentação da Nublu Jams, projeto criado pelo saxofonista de Ilhan Ersahin, também fundador do selo, do club e do Nublu Festival.

nublu festival 2020
Crédito: DivulgaçãoNublu Festival comemora 10 anos com shows de John Cale, Femi Kuti, yasiin bey, Juçara Marçal, Otis Trio 7 convida Negra Li e IFÁ

Junto com ele vão se apresentar músicos versáteis e virtuosos que transitam em diferentes cenas da música brasileira – jazz, experimental, afro e funk, além da banda paulistana GoatFace! – capitaneada pelo talentoso Guilherme Granado.

Além da noite de jams, o Nublu Festival recebe também a noite avant-garde e indie,que conta com o grande mestre John Cale. Lenda da música vanguardista e do rock alternativo, Cale está ativo há mais de cinco décadas, fora que é um dos fundadores do The Velvet Underground, banda ícone que revolucionou a música nos anos 1960. É peso-pesado ou não é? O cara já influenciou várias gerações de artistas.

Junto de Cale, outra rainha da música nacional que toca na mesma noite é Juçara Marçal. A musa brazuca usa sua multiplicidade e talento para homenagear a inovadora artista Brigitte Fontaine.

O dia do hip-hop e suas dissidências no jazz do Nublu Festival tem Negra Li, a rainha do rap brasileiro, misturando-se ao jazz autoral do Otis Trio 7.

Os músicos paulistas abrem a performance de yasiin bey (aka Mos Def), ator, ativista e um dos maiores representantes do hip-hop internacional, que construiu sua carreira com parcerias versáteis, transitando por diferentes linguagens!

A programação segue com o recorte da diáspora africana, sempre recorrente no Nublu Festival. Nesta noite, Bahia e Nigéria estão conectadas pelo afrobeat e representadas pelas semelhanças e particularidades da banda instrumental IFÁ, de Salvador, que leva o Brasil afro-contemporâneo e do “príncipe do afrobeat” Femi Kuti e sua grande banda The Positive Force.

ifá salvador
Crédito: Glauco NevesIntegrante de um movimento independente que vem ressignificando o cenário musical baiano, a banda instrumental IFÁ nascida em Salvador tem o mesmo nome do oráculo africano, que se converteu ainda numa sigla inventiva para a junção de três ritmos: ijexá, funk e afrobeat. Partindo da fórmula instrumental forjada por Fela Kuti, o grupo ratifica a importância da música como elo histórico entre as culturas negras da diáspora, fazendo do seu discurso um manifesto de afirmação estética. O repertório autoral é inspirado no universo da música transnacional de matriz africana e suas conexões com a Bahia contemporânea, embalada pelo ritmo do ijexá, dos blocos afro e dos afoxés

Pra curtir o Nublu Festival, é só colar no Sesc Pompeia entre os dias 12 e 15 de março. Os shows acontecem a partir das 20h30, de quarta a sábado, e das 18h, no domingo.

Os ingressos estão à venda no site do Sesc São Paulo por até R$ 60. Se liga na programação detalhada:

12 março
A partir das 20h30: IFÁ (BRA) e Femi Kuti (NIG)
Abertura DJ Magrão (BRA)

13 março 
A partir das 20h30: Otis Trio 7 convida Negra Li (BRA) e yasiin bey (fka Mos Def) (EUA)
Abertura DJ Lys Ventura (BRA)

14 março 
A partir das 20h30: Juçara Marçal (BRA) e John Cale (EUA)
Abertura DJ Tiago Nicolas (BRA)

15 março
A partir de 18h: GoatFace! (BRA) e Nublu Jams (EUA/BRA)
Abertura DJ Kamui Sumida (JAP)

Quer mais música? Se liga nessa dica aqui:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.