Últimas notícias:

Loading...

Projeto que conhece práticas educacionais inspiradoras pelo país pode virar livro

Por: Catraca Livre

O jornalista Caio Dib, criador do caindonobrasil, viajou pelo país em 2013 para conhecer realidades e práticas educacionais inspiradoras do Brasil. Encontrou muito mais do que esperava: voltou com mais de 30 escolas, projetos educacionais e histórias de pessoas na mochila. Agora, está fazendo uma campanha de financiamento coletivo no Catarse para publicar um livro com 14 destas iniciativas.

Caio Dib durante apresentação no TEDxUnisinos, um dos principais eventos de Educação do país
Crédito: Bruno AlencastroCaio Dib durante apresentação no TEDxUnisinos, um dos principais eventos de Educação do país

Cansado de ficar dentro do escritório produzindo produtos e serviços para todo o país e com vontade de conhecer iniciativas educacionais que trabalhassem com soluções criativas para os desafios de ensino-aprendizagem, Dib passou cinco meses na estrada. “Encontrar escolas que trabalham com base na transmissão de conteúdo é fácil; escolas com problema de infraestrutura também não é difícil. Queria conhecer iniciativas que realmente trabalhassem de maneira criativa e efetiva para um processo de aprendizado mais rico e que forme para a vida”, explica.

Para encontrar estas iniciativas, ele rodou por 58 cidades em 12 Estados e Distrito Federal, totalizando mais de 17 mil quilômetros rodados de ônibus. “Além de conhecer as iniciativas em educação, queria muito conhecer as realidades locais de várias partes do país. Viajar de ônibus, perceber os entre-caminhos e a cidade em si me ajudaram muito a entender melhor as iniciativas que visitei”, conta o jornalista.

Como resultado dessa viagem, além de diversas palestras realizadas em todo o país, Dib está escrevendo um livro com 14 iniciativas que mais o impressionaram durante a viagem. “Não vou apenas contar a minha experiência e como funcionam os projetos. Além de como foi a visita na escola, instituição ou programa, fiz um grande trabalho de pesquisa depois de voltar para entender como essas práticas surgiram e quais foram suas bases e inspirações”, explica Dib.

O financiamento coletivo no Catarse possibilitará a produção deste livro. É possível contribuir com apoios a partir de R$10. Todas as contribuições podem ganhar recompensas como descontos em cursos e exemplares do livro. Confira mais em www.catarse.me/caindonobrasil. Veja o passo a passo para colaborar e divulgar esta ideia:

Compartilhe: