Seis toques que Pokémon Go pode trazer para sua carreira

Saiba quais são os riscos e oportunidades do novo game no ciclo de um profissional

Por: Redação Comunicar erro

Sair à caça de Pokémons, Pikachus ou Charmanders pode ser divertido, mas deve ser encarado com moderação.

De acordo com Lucas Oggiam, consultor da Page Personnel, a utilização do game Pokémon, nova sensação do momento, pode servir de lição e inspiração para o universo corporativo. Veja abaixo algumas dicas e lições que o game pode proporcionar à carreira de um profissional.

empreGO_-_pokemon
Quais são os riscos e oportunidades do novo game no ciclo de um profissional?

1. Expanda busca por oportunidades

Da mesma forma que acontece no jogo, onde as pessoas precisam sair à procura de Pokémons para melhorar seu desempenho, um profissional também precisa expandir seus horizontes. Nos últimos anos, o número de meios de busca de trabalho aumentou muito. Além das tradicionais indicações de conhecidos e ex-gestores, candidatos podem contar com uma gama de recursos disponíveis a eles: os principais sendo consultorias de recrutamento e seleção, sites de busca, redes sociais.

Além disso, o próprio número desses recursos é grande. “Atualmente são incontáveis os números de consultorias e sites que oferecem empregos. Com todos esses recursos em mãos, o profissional em busca de um novo cargo, não pode se limitar a utilizar apenas uma dessas ferramentas. Lembre-se que todos têm acesso as mesmas ferramentas hoje em dia; portanto, para se diferenciar do restante do mercado, quem estiver em mais campos de busca diferentes, tem maior chance de aparecer na busca do RH ou headhunter responsável pelo processo”, ensina Lucas.

2. Vigiar vagas de emprego

No jogo, as pessoas ficam de olho em cada esquina, Pokéstop e outros pontos à procura de personagens ou bônus. Na hora de buscar uma vaga, a persistência também vale.

“Considerando que hoje em dia a grande maioria das empresas publica suas oportunidades em algum dos meios já descritos, ou mesmo em uma página específica sobre empregos disponíveis naquela empresa – ficar atento a esses anúncios é uma ótima forma de sempre se fazer presente e buscar a oportunidade. Persistência e insistência muitas vezes geram resultados positivos na busca da oportunidade”, diz o consultor.

3. Capturar as vagas certas

As pessoas andam percorrendo longas distâncias à procura de personagens e criaturas para terem as melhores opções em futuras batalhas. Para escolher a vaga certa, tenha certeza que é a chance ideal para você ‘gastar suas forças’ em busca da mesma. “Leia e releia a oportunidade para qual está se candidatando.

Parece uma dica boba, mas muitos profissionais se candidatam para posições que não possuem a experiência, qualificação, ou requisitos mínimos descritos no anúncio. A impressão que isso pode gerar é de displicência e falta de cuidado, além do óbvio fator de não se encaixar naquilo que a empresa busca, fazendo com que seu perfil seja descartado”, ensina Lucas.

4. Queda de produtividade

O jogo é baseado em muita ação constante: estar mais conectado, ir atrás de áreas com mais Pokémons, buscar amigos para trocar, e investir tempo buscando o personagem certo. Só que esse uso constante do jogo, inclusive no horário de trabalho, pode prejudicar o desempenho do profissional.

“A pessoa precisa ter muito cuidado para não transformar sua diversão em pesadelo. Já temos ciência de casos de pessoas que sofreram advertência de seus chefes por ficarem muito tempo conectados no jogo durante o expediente. Esse aparente vício pode causar queda de produtividade e comprometer a entrega de tarefas e o resultado do trabalho”, avalia o consultor.

5. Desvio de atenção/ foco

A atual febre global no jogo Pokémon Go faz com que algumas pessoas sofram acidentes, se machuquem, e até mesmo ignorem um amigo que está a seu lado. Isso pode ser traduzido como falta de atenção. “Na carreira de um profissional, perder a atenção ou foco pode ser perigoso. Ele precisa ter um alto poder de concentração para chegar aos objetivos que se propôs a alcançar, seja na busca por nova oportunidade, cumprimento de metas ou até mesmo experimentar outros desafios. Isto só é possível com determinação e disciplina”, comenta.

6. Busque mais informações

A inovação de um jogo em realidade aumentada, veio aos mais ‘geeks’ como algo natural; porém, para a grande maioria, a tecnologia é totalmente inovadora e nunca vista antes. Além disso, o assunto Pokémon sempre teve um público específico; mas atualmente é fonte de novidade e questionamento para muitos que estão sendo conquistados pela febre do jogo.

“Levando isso para nosso dia a dia, buscar informações de mercado sobre as oportunidades e empresas onde gostaria de trabalhar e as ferramentas de busca são fatores decisivos para se obter sucesso. Quando abordado por uma empresa ou a utilizar uma nova ferramenta de busca de empresa, tenha o máximo possível de informação sobre eles. Não conhece a empresa X, entre em seu site, leia sobre seus valores, resultados, perspectivas, pergunte a pessoas que já passaram pela empresa. Aprenda o máximo que puder sobre as expectativas da nova posição com o RH, headhunter, gestor da mesma. Quanto mais informações você possuir sobre algo, maior a chance de se dar bem”, conclui Lucas.

Compartilhe:

1 / 8
1
03:47
Festivais de música com desconto de até 50%? Aqui têm, bebê!
O calor está começando a dar as caras e por aqui, nós já começamos a nos empolgar com a temporada …
2
04:38
Batman 80: a maior exposição sobre o homem-morcego!
Em celebração aos 80 anos do Homem-Morcego, o Memorial da América Latina, na zona oeste de São Paulo, recebe “Batman …
3
03:36
Saiba mais sobre os Izakayas, os botecos japoneses da Liberdade!
Comidinhas japonesas + drinques geladinhos: essa é a proposta dos izakayas, os famosos bares e botecos orientais! E se tem …
4
03:13
Kinoplex: o cinema sem defeitos em São Paulo!
Quem disse que cinema de shopping é tudo igual? São Paulo acaba de ganhar um espaço exclusivo, com seis salas …
5
02:47
Rolê clássico e barato na capital? Conheça a Sala São Paulo!
Quem disse que sai muito caro para curtir música clássica ao vivo ou ouvir de perto um concerto deslumbrante? A …
6
03:00
Casa das Rosas: uma viagem no tempo na Avenida Paulista
Tem um cantinho histórico na Avenida Paulista, que é uma verdadeira viagem no tempo. Além de ser uma das construções mais …
7
05:40
Roteiro de férias: o que fazer em SP gastando pouco ou quase nada
Chegaram as férias de julho, e com ela diversos eventinhos lindos rolando em São Paulo! Para te dar aquele empurrãozinho …
8
02:44
Museu Mais Doce do Mundo: conheça o lugar mais instagramável de SP
Já pensou em “nadar” numa piscina de marshmallows, entrar em um donut gigante ou pular numa grande batedeira? Pois sua …