Imagem do Topo

SP Escola de Teatro abre seleção para 8 cursos gratuitos em 2019

Instituição recebe inscrições até 5 de novembro para seleção das turmas de 2019; entre os cursos com vagas abertas estão Atuação, Direção e Dramaturgia

Por: SP Escola de Teatro | Comunicar erro
Até
05
de novembro 2018
Segunda - Terça - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado - Domingo
As inscrições se encerram às 17h de 5 de novembro

Um dos maiores centros de formação em artes cênicas na América Latina, a SP Escola de Teatro está com inscrições abertas até 5 de novembro para a seleção das turmas que se iniciam no primeiro semestre de 2019. Ao todo, são 74 vagas para oito cursos de formação profissionalizante, oferecidos gratuitamente: Atuação, Cenografia e Figurino, Direção, Dramaturgia, Humor, Iluminação, Sonoplastia e Técnicas de Palco. Os interessados na seleção devem se inscrever através do site institutomais.org.br.

 

Criada em 2009, a SP Escola de Teatro é referência na área, com seu modelo de ensino replicado em países como Finlândia e Suécia. As aulas acontecem nas sedes Brás e Roosevelt da instituição, de segunda a sexta-feira, em turmas de manhã e à tarde.

Podem concorrer às vagas candidatos de todo o Brasil, maiores de 18 anos (completados até janeiro de 2019) e com ensino médio completo. O Processo Seletivo também é aberto a estrangeiros com passaporte e situação legal no País. A Instituição destina 20% das vagas de cada um dos cursos regulares com inscrições abertas a pessoas autodeclaradas pretas ou indígenas.

A seleção para os cursos regulares da SP Escola de Teatro é composta por duas etapas: uma redação e, depois, uma entrevista presencial com os coordenadores e formadores dos cursos e atividades específicas de cada curso. O resultado final do Processo será divulgado em 20 de dezembro.

Bolsa-auxílio
Através do Programa Kairós, a SP Escola de Teatro oferece um auxílio mensal para parte de seus estudantes. Para receber o benefício, os contemplados devem cumprir atividades de contrapartida, que envolvem ações internas (como monitorias) ou externas (como aulas de teatro e dança em escolas de São Paulo).