Suspense ‘Um corpo que cai’ é sonorizado ao vivo no MIS

Considerado uma das obras-primas de Hitchcock, o clássico completou 60 anos. Espaço anunciou uma sessão extra do filme às 18h

Por: Redação Comunicar erro
05
de agosto 2018
às 15h e às 18h

Que tal assistir a um clássico do cinema com trilha sonora ao vivo? No domingo, dia 5 de agosto, o programa Cinematographo, do MIS – Museu da Imagem e do Som de São Paulo sonoriza o filme “Um Corpo que Cai”, de Alfred Hitchcock (1899-1980), com sessões às 15h e às 18h.

Crédito: ReproduçãoFilme “Um corpo que cai”, de Alfred Hitchcock

Os músicos Guilherme Chiappetta (baixo) e Eduardo Contrera (piano, flauta e percussão), conhecidos por fazer um som experimental e de improviso, são os responsáveis pela sonorização. Os ingressos custam R$ 12 (inteira) e podem ser comprados na internet ou direto na bilheteria da instituição.

Na história, o detetive aposentado John ‘Scottie’ Ferguson (James Stewart) precisa enfrentar seu medo de altura ao receber a missão de seguir uma mulher (Kim Novak) que tem atração por lugres altos por toda a cidade de San Francisco.

O longa completou 60 anos em maio e é considerado uma das obras-primas do rei do suspense. criou Entre as inventividades de Hitchcock está o truque com a câmera usado para representar a vertigem do personagem principal deste filme. É uma mistura de zoom com recuo da lente que acabou imitado por inúmeros cineastas.

A exibição também é uma atividade paralela da exposição “Hitchcock – Bastidores do suspense”, em cartaz até 21 de outubro.