Últimas notícias:

Loading...

Terry Gilliam ganha retrospectiva grátis no CCBB RJ

Público tem acesso a 28 filmes, entre obras do renomado cineasta até documentários sobre ele. Há algumas exibições online. Não perca:

Por: Redação

Até 31 de janeiro de 2022

Segunda - Quarta - Quinta - Sexta - Sábado - Domingo

Vários horários (confira a programação)

Quem curte mundos fantasiosos, críticas ácidas ao sistema e tramas com ares distópicos pode se divertir muito no CCBB RJ ao longo do mês de janeiro. Entre os dias 5 e 31 acontece a mostra gratuita “Terry Gilliam – o oníricoanarquista”, a mais completa retrospectiva realizada sobre o cineasta no Brasil.

O mundo imaginário do Doutor Parnassus, Terry Gilliam
Crédito: Reprodução/ Filme O mundo imaginário do Doutor Parnassus“O mundo imaginário do Doutor Parnassus” ganha exibições no evento

O público tem a chance de conferir 28 produções, incluindo os icônicos filmes de Terry Gilliam, entre longas e curtas-metragens, e documentários sobre o diretor. Para reservar o ingresso, basta acessar este link aqui.

Um dos destaques é a ficção científica “Os 12 macacos” (1996). Na narrativa, um condenado do ano de 2035 é enviado de volta no tempo para descobrir a causa de um vírus que acabou com quase toda a população do planeta. Os poucos sobreviventes moram em abrigos subterrâneos.

O longa levou o Globo de Ouro na categoria Melhor Ator Coadjuvante para Brad Pitt, que também foi indicado ao Oscar. No elenco também estão Bruce Willis, Madeleine Stowe e Christopher Plummer.

Prefere mergulhar no mundo da fantasia de maneira menos sombria? A mostra também apresenta “O mundo imaginário do Doutor Parnassus” (2009), último filme de Heath Ledger (1979-2008).

Repleto de magia, o longa conta a história do líder de um espetáculo artístico que guarda um segredo obscuro: ele negociou a alma de sua filha com o diabo. Agora, o diabo voltou para cobrar o acordo e Parnassus precisa coletar cinco almas para salvar a jovem.

O icônico “Brazil, o filme”(1985), é outro que compõe a seleção da mostra. Na trama, Sam Lowry vive em um Estado futurista totalitário controlado pelos computadores e pela burocracia, onde todos são governados por fichas e cartões de crédito. Em meio à opressão, Sam se apaixona por Jill Layton, uma terrorista.

A obra ganhou dois prêmios BAFTA, nas categorias Melhores Efeitos Visuais e Melhor Design de Produção, e dois Los Angeles Film Critics Association, como Melhor Diretor e Melhor Filme.

Brasil, o filme, Terry Gilliam
Crédito: Reprodução/ Brasil - o filme“Brasil, o filme” é um dos destaques da mostra “Terry Gilliam – o oníricoanarquista”

Único integrante norte-americano do grupo de humor inglês Monty Python, além de dirigir alguns dos filmes do coletivo, Terry Gilliam foi responsável pelas sequências de animação do programa televisivo “Monty Python’s Flying Circus”, sempre bastante espirituosas.

Durante a mostra “Terry Gilliam – o oníricoanarquista”, os espectadores podem relembrar grandes clássicos do Monty Python, como “Em Busca do Cálice Sagrado” (1975), que reconta a lenda do Rei Arthur e dos Cavaleiros da Távola Redonda; e “O Sentido da Vida” (1983), uma sátira sobre as diversas fases de amadurecimento do ser humano: nascer, crescer, guerra, idade média, transplantes de órgãos, velhice e morte.


#DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado? ❤


Muito além do CCBB RJ

Mas não é só isso! O super evento também conta com algumas atividades online. Entre às 13h do dia 21 até às 23h59 do dia 24 de janeiro, é possível assistir “Brazil, o filme”. Já entre às 13h do dia 25 e às 23h59 do dia 31 de janeiro, ficam disponíveis, com recursos de acessibilidade, os longas “As aventuras do Barão de Münchausen” (1988 – legenda descritiva) e “Os irmãos Grimm” (2005 – dublado e com audiodescrição).

Para conferir esses três longas, é preciso se cadastrar na plataforma Wurlak. Quem preferir assistir via smartphone ou tablet, o recomendado é que faça download do aplicativo do serviço de streaming, que está disponível nas versões para IOS e Android.

Quer mergulhar ainda mais na vida e na obra desse cineasta inventivo? Então não perca a palestra “A animação de Terry Gilliam”, com Christian Caselli (15/01, às 15h), o debate “Moinhos ou gigantes: a grandiloquência na obra de Terry Gilliam e outros cineastas”, mediado por Eduardo Reginato e com a presença dos críticos de cinema Luiz Carlos Oliveira Jr e Sérgio Alpendre (22/01, às 19h30) e a aula magna “As influências e referências na obra de Terry Gilliam”, ministrada por Bráulio Tavares (29/01, às 15). Saiba como participar de cada uma dessas atividades aqui.

Com curadoria do diretor, produtor, roteirista, escritor e crítico de cinema Eduardo Reginato e do cineasta e editor Christian Caselli, após cumprir temporada na Cidade Maravilhosa, a mostra “Terry Gilliam – o oníricoanarquista”, segue para as unidades do CCBB em São Paulo e no Distrito Federal.

Gostou? Veja outros rolés legais no RJ: