Texto censurado de Millôr Fernandes ganha o palco do Municipal

Por: Redação

No dia 26 de setembro, a partir das 19h, acontece o 9º Ciclo de Leituras Dramatizadas apresentando o clássico “Liberdade, Liberdade”. A obra de Millôr Fernandes e Flávio Rangel ganha o palco do Teatro Municipal de Niterói, com entrada Catraca Livre.

“Liberdade, Liberdade”, de Millôr Fernandes e Flávio Rangel, ganha leitura dramatizada

Escrito em 1965, o texto foi encenado em todo o Brasil, em plena ditadura militar. A peça foi marcada pelo entusiasmo dos universitários, pela repressão de autoridades locais e pelo medo do grande público. O crítico teatral Décio de Almeida Prado lembrou na época que “ninguém clama por liberdade se não se sente ameaçado de perdê-la”. Ele não estava enganado, tanto que a peça foi proibida pela censura poucos meses depois de sua estreia.

Para esta apresentação, a obra foi adaptada por Érika Ferreira e Sylvio Moura. Personalidades negras que não foram incluídas na proposta escrita pelos autores, agora ganham voz e força. Isso sem deixar de lado as reflexões feitas no texto original sobre vários períodos de limitação da liberdade na história da humanidade.

Nomes como Nelson Mandela, Angela Davis, Abdias Nascimento e Carolina Maria de Jesus estarão presentes e somados ao negro olhar sobre a liberdade.

Primeira vez nos palcos

A versão original estreou num teatro improvisado no Rio de Janeiro, em 1965, no dia 21 de abril, Dia de Tiradentes, o Mártir da Independência. Com direção de Flávio Rangel, o elenco era formado por Paulo Autran, Tereza Rachel, Nara Leão e Oduvaldo Vianna Filho, numa produção conjunta do Teatro Opinião e do Teatro de Arena de São Paulo. A repercussão nacional e internacional foi imediata; até o New York Times registrou o sucesso do mais ambicioso dos espetáculos de protesto.

1
Rapel na Ponte do Sumaré em SP: vai encarar?
Já pensou em pular da ponte com os amiguinhos? Sim? Colaí, que hoje vamos saltar da Ponte do Sumaré!
2
Almoço perfeito em BH no Mercado Novo
Que a comida mineira é uma delícia, todo mundo já sabe, mas almoço perfeito mesmo, é no Mercado Novo de …
3
Bar da Laje: a melhor vista do Rio de Janeiro
Colaí que hoje o passeio é lá no alto! Vamos subir o Morro do Vidigal para conferir tudo sobre o …
4
Ópera do Arame: símbolo emblemático de Curitiba
Entre lagos, vegetação típica e cascatas, numa paisagem singular, está a Ópera do Arame. Colaí que eu vou te contar porque …
5
Cisne Branco: Espaço cultural flutuante em Porto Alegre
Verdadeiro ícone de Porto Alegre, o barco Cisne Branco é referência quando se fala de rolê flutuante! Colaí pra navegar nessas …
6
As obras de Niemeyer espalhadas por BH
Você sabia que há várias obras de Niemeyer espalhadas por BH? Colaí que eu vou mostrar pra você!
7
Poço da Panela: um roteiro imperdível e relax no Recife
Pensando em roteiros diferentes e alternativos para curtir o Recife? Que tal conhecer o histórico bairro do Poço da Panela? …
8
O melhor acarajé de BH é na Feira Hippie
A Feira Hippie é a maior feira da América Latina! Lá você encontra de tudo, inclusive, o melhor acarajé de …