Imagem do Topo

Foto, moda e luminárias: Sesc oferece cursos grátis de artes

Por: Redação Comunicar erro
Até
30
de outubro 2018
Terça - Quarta - Quinta
15h e 19h (checar cada curso no texto)

O Sesc Santana traz programação composta de seis oficinas nas áreas de tecnologia e artes durante todo o mês de agosto. Cinco dos seis cursos são de habilidades manuais e artísticas: “Confecção de luminária em LED com corte a laser”, “Ensaio e fotolivro artesanal”, “Reinventando roupas”, “Carimbos de Borracha” e “Encadernação de estruturas flexíveis para zines”. Já o “Introdução à fotografia digital” entra nas habilidades digitas.

A programação acontece no ETA (Espaço de Tecnologias e Artes) e é aberta ao público geral – algumas oficinas exigirem idade mínima de 16 anos para participação. Todas as atividades são gratuitas.

Crédito: DivulgaçãoCursos para aprender a fazer luminárias, reutilizar roupas e fazer fotos digitais são gratuitos

Confira a programação completa:

Confecção de luminária em LED com corte a laser | de 7 de agosto a 25 de setembro| terças, das 19h às 21h | livre | 10 vagas
Nesta oficina, o participante criará sua própria luminária utilizando o conceito de “faça você mesmo”, usando software livre para desenhar o projeto e gerar arquivo para corte a laser. Em seguida, a turma cria seu próprio circuito impresso com os componentes eletrônicos necessários. As interações são mediadas através do software Inkscape.

Cristiano de Souza Lima é entusiasta do movimento maker e DIY, especialmente em software livre. Formado em Sistema da Informação e licenciado em Pedagogia da Computação, atua como educador do Espaço de Tecnologias e Artes no Sesc Santana.

Ensaio e fotolivro artesanal | de 7 de agosto a 30 de outubro | terças, das 15h às 17h | a partir de 16 anos | 15 vagas

O curso propõe uma reflexão sobre a relação do ensaio fotográfico com o fotolivro artesanal, o qual é apresentado não apenas como suporte, mas também como ferramenta de edição. As aulas são compostas pela apreciação de livros fotográficos de diferentes autores e pela elaboração do ensaio de cada participante a partir de exercícios e discussões coletivas. Possibilidades de construção de narrativas visuais são exploradas a partir das fotografias dos participantes, os quais devem levar um projeto de ensaio, com fotos necessariamente impressas. Ao final da atividade, os alunos irão construir maquetes de livros utilizando suas próprias imagens e materiais acessíveis, a fim de proporcionar maior liberdade de experimentação. Serão abordadas questões como variação de tamanhos, distribuição das fotos ao longo das páginas e escolha do formato do livro.

Mariana Chama (São Paulo, 1976) é fotógrafa e pesquisadora formada em Artes Plásticas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), e mestre em Poéticas Visuais na mesma instituição. Sua pesquisa em ensaio fotográfico tem se desenvolvido junto à produção de livros artesanais, como “Mágico” e “A mulher na janela e a chuva”. Tem realizado cursos e oficinas sobre o tema.

Reinventando roupas | 8 de agosto a 24 de outubro | quartas, das 15h às 17h | a partir de 16 anos | 15 vagas

Destina-se a interessados em moda e processos criativos. Tem como principal objetivo mostrar que é possível a criação de novas peças a partir de matérias primas já existentes (roupas em desuso/retalhos de tecido, etc). A atividade é ministrada pela equipe do “Projeto Re-Roupa”, valendo-se de conteúdo teórico e prático. O objetivo final do curso é a criação de uma coleção-cápsula realizada pelo “Re-Roupa” e pelos participantes inscritos. Ao final da atividade, será realizado um editorial de fotos com o material produzido ao longo do curso.

O Projeto Re-Roupa transforma roupas e fins de rolo de tecido, buscando, através desse processo, gerar consciência sobre o tema dos excessos na indústria da moda e renda para grupos produtivos em situação de vulnerabilidade social. Atua regularmente em projetos com a “Rede Asta Negócios Sociais” e com a ONG “Saúde Criança”, e já lançou coleções para a marca de roupas “Farm” e para o bazar online “Enjoei”, nesse mesmo conceito. Tendo a educação e disseminação desse conceito como foco, o projeto atua realizando cursos e oficinas tanto em grupos produtivos quanto em universidades e escolas, sempre transformando o que era considerado resíduo, em roupa novamente.

Introdução à fotografia digital | 8 de agosto a 26 de setembro | quartas, das 19h às 21h | a partir de 16 anos | 15 vagas

O curso irá abordar técnicas fotográficas digitais básicas. Será feira uma introdução à metodologia do fluxo de trabalho e tratamento de imagem em softwares de pós-produção. A atividade não demanda conhecimentos prévios em fotografia e pretende oferecer as bases para que os participantes possam, futuramente, se aprofundar em práticas diversas da fotografia, como jornalismo, publicidade, artes visuais, dentre outras. Observação: os alunos deverão ter acesso a uma câmera digital com função manual (acesso ao obturador, diafragma e ISO). Com Nina Bruno.

Nina Bruno é Bacharel em Design Gráfico pela Universidade FUMEC (MG), e fotógrafa formada pela “Panamericana Escola de Arte e Design” (SP). Tem a fotografia como principal área de atuação, com especialização em tratamento de imagem. Atualmente é professora no curso de formação de Fotografia e é responsável pela concepção e ensino do curso de Photoshop, ambos na Escola Panamericana. Leciona fotografia e softwares de pós-produção fotográfica desde 2011.

Carimbos de Borracha | de 9 a 30 de agosto | quintas, das 15h às 17h | livre | 12 vagas

Esse curso apresenta as principais técnicas, conceitos e ferramentas para a confecção de carimbos artesanais de borracha. O participante desenvolve os próprios modelos para aplicação em papel (como cartões, papeis soltos, livros e cadernos), e explora criativamente figuras independentes, padronagens e combinações de matrizes.

Viviam Schmaichel é formada em Artes Plásticas pela ECA/USP. Junto à equipe do Sesc Santana, desenvolve, como educadora de Tecnologias e Artes, atividades que misturam artes manuais tradicionais (como encadernação, bordado, desenho e origami) com o contexto da cultura digital. Além disso, realiza desenhos e gravuras, em especial de animais.

Encadernação de estruturas flexíveis para zines | de 09 a 30 de agosto | quintas, das 19h às 21h | a partir de 16 anos| 15 vagas

O curso tem como objetivo introduzir os participantes a conceitos de encadernação simples, para, assim, criar estruturas flexíveis, que poderão ser usadas a fim de explorar narrativas visuais e textuais, tendo o livro como suporte. A partir de exercícios criativos associados a estruturas como costura “em 8” e outras estruturas como “sanfonadas”, os participantes poderão explorar materiais diversos e misturar técnicas, pensando em soluções inusitadas para seus próprios trabalhos.

Flavia Kitasato é artista visual formada em Artes Plásticas pela Universidade de São Paulo. Atuou como designer no CINUSP na produção gráfica de mostras de 2016 – 2017 e no 10° livro da coleção. Ministrou oficinas de encadernação no espaço “Nossa Casa da Vila” ( 2014) e na “V Jornada das Licenciaturas”, no IFDC-USP de São Carlos (2014). Já participou de exposições coletivas e de feiras de publicação. É integrante do “Edições Breu”.

Aline Moreno é formada em Artes Plásticas pela Universidade de São Paulo. Produz trabalhos em desenho, escultura e fotografia. Participou de exposições coletivas como a 2ª Bienal de artes do Sesc – DF (2018), o 46º Salão de Arte Contemporânea de Santo André (2018), 23° Programa Nascente (2017), 23º Salão de Artes de Praia Grande – Menção Honrosa, a 27ª Mostra de Arte da Juventude do Sesc – premiada (2016), e o 49º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba. Participou do programa de estágio do MAC no setor de conservação e restauro de papel por 6 meses, e no Centro Cultural São Paulo (CCSP), no setor de encadernação, conservação e restauro por 1 ano. É integrante do “Edições Breu”.

Curtiu? Então leia esta também: