Theatro São Pedro tem música de câmara e recital solo de violão

Por: Redação | Comunicar erro

O Theatro São Pedro apresenta uma programação para todos os públicos, com diversidade de estilos e espetáculos. Da música de concerto ao melhor do repertório popular brasileiro e jazzístico. Além da Orquestra do Theatro São Pedro, o teatro recebe o violonista tcheco Vladislav Bláha em recital solo, e a Orquestra Jovem Tom Jobim, grupo artístico de bolsistas da Emesp Tom Jobim, que abre sua temporada. Serão 10 apresentações ao todo, com ingressos a preços acessíveis e entrada gratuita. O espaço fica Rua Barra Funda, 161.

Só no final de semana de 22 a 24 de março serão seis espetáculos. Nos dias 23 e 24, a Orquestra do Theatro São Pedro recebe uma dupla que fez sucesso na temporada 2018 da casa: o maestro Luis Otavio Santos e a soprano Marília Vargas, dois especialistas em música antiga e que integraram a elogiada montagem de Alcina, de Händel.

Crédito: yanyong/ IstockO mês de março tem programação recheada no Theatro São Pedro

Desta vez, eles estão no programa Contrapontos, que relaciona os períodos Clássico e Romântico por meio de árias de concerto de Mozart e a Sinfonia nº 4 de Mendelssohn. No sábado, o concerto ocorre às 20h, e no domingo, às 17h. Os ingressos custam até R$ 30. Antes, na sexta 22, tem ensaio aberto e com entrada gratuita, às 11h.

Também no dia 23, sábado, acontece o recital do violonista Vladislav Bláha, um dos músicos mais relevantes da República Tcheca na atualidade. Sua riqueza de expressão aliado ao virtuosismo de suas interpretações chamam a atenção da crítica especializada dos países por onde se apresenta.

Outra atração deste fim de semana é a Orquestra Jovem Tom Jobim, um dos grupos artísticos de bolsistas da Escola de Música do Estado de São Paulo – Emesp Tom Jobim, instituição também ligada à Secretaria e gerida pela Santa Marcelina Cultura. O ensemble formado por jovens músicos tem por característica trabalhar repertórios temáticos e “mergulhar” em álbuns, compositores e estilos, com arranjos elaborados especialmente para a orquestra. E para o programa de abertura da temporada a Tom Jobim faz uma homenagem ao premiado pianista Amilton Godoy e conta com a participação especial da flautista Léa Freire.

As apresentações da Orquestra Jovem Tom Jobim acontecem na sexta, 22, às 20h, e no domingo, mais cedo, às 11h. Os ingressos custam até R$ 20.

E fechando a programação de março, o Theatro São Pedro apresenta, nos dias 29, 30 e 31, o programa Schumann ou Os Amores do Poeta pela série de Música de Câmara. O espetáculo que une música e dança volta ao palco do Theatro São Pedro após sucesso na temporada de 2018.

Em dois atos, “Neoclássico” e “Contemporâneo”, serão apresentadas canções de diferentes ciclos do compositor Robert Schumann, com adaptações de Ricardo Ballestero, coreografia de Milton Coatti e Cassi Abranches, iluminação de Caetano Vilela e concepção cênica de William Pereira em parceria com a São Paulo Companhia de Dança, dirigida por Inês Bogéa. Entre os solistas, estão a soprano Carla Cottini, a mezzo Luciana Bueno, o tenor Daniel Umbelino e o barítono Johnny França.

.

Compartilhe:

1 / 0