Zona Leste recebe programação teatral gratuita

Por: SP Escola de Teatro

O projeto Circulação Teatral Zona Leste apresenta entre os dias 6 e 26 de junho uma série de espetáculos e performances artísticas na Zona Leste da capital paulista. Com programação inteiramente gratuita, as ações acontecem em praças e equipamentos culturais mantidos pelo poder público. Abaixo, confira as atrações que fazem parte do roteiro:

Los Brincantes (Cia Malas Portam)

O espetáculo infantil “Los Brincantes” promove uma releitura de brincadeiras, canções e cantigas típicas da cultura latino-americana onde os participantes deixam de ser meros espectadores para se tornarem todos autênticos “brincantes”.

7 e 12 de junho, às 10h, no CEU Curuçá: Avenida Marechal Tito, 3452; 16 de junho, às 16h, no Centro Cultural Vila Formosa: Avenida Renata, 163 – Vila Formosa; 19 de junho, às 10h, no CEU Sapopemba: Rua Manuel Quirino de Mattos, s/n – Jardim Sapopemba; 19 de junho, às 14h, CC São Rafael: Rua Quaresma Delgado, 364 – Jardim Vera Cruz; 29 de junho, às 15h, Centro Cultural Penha: Largo do Rosário, 20 – Penha de França

Iracema Via Iracema (Agrupamento Andar 7 e Cia Sinhá Zózima)

A peça, que é encenada dentro de um ônibus estacionado, relata a história de vida de Iracema, uma mulher que abre mão de todos os papéis sociais que lhe foram designados ao longo da vida e passa a viver dentro de um coletivo.

6 de junho, às 20h, no CC São Rafael: R. Quaresma Delgado, 364 – Jardim Vera Cruz; 7 de junho, às 20h, no CEU Sapopemba: Rua Manuel Quirino de Mattos, s/n – Jardim Sapopemba; 8 de junho, às 20h, na Praça Brasil: Avenida Nagib Farah Maluf, s/n, Itaquera

Espetáculo do Agrupamento Andar 7 com a Cia Sinhá Zózima é encenado dentro de um ônibus (Foto: Divulgação).

Todo sacrifício feito em seu nome (Cia Andar 7)

Verônica, uma mulher presa pelo regime repressor de seu país, vaga, entre lembranças desfiguradas, à procura do filho recém-nascido. A peça tem como referência mães torturadas, que foram separadas de seus filhos pela ditadura militar brasileira (1964 -1985).

13 de junho, às 20h, no CEU Curuçá: Avenida Marechal Tito, 3452; 14 de junho, às 20h, no CEU Sapopemba: Rua Manuel Quirino de Mattos, s/n – Jardim Sapopemba; 25 de junho, às 20h, no Centro Cultural Penha: Largo do Rosário, 20 – Penha de França

Musical Mapinguary (Cia Mapinguary)

Espetáculo musical de contação de histórias, apresenta um passeio por mitos, lendas e contos do Brasil e de outros países, com bonecos grandes, performance, interação com a plateia e muita imaginação.

13 de junho, às 10h, no CEU Três Pontes: Rua Capachós, 400 – Jardim Celia; 18 de junho, às 14h, no Centro Cultural Penha: Largo do Rosário, 20 – Penha de França; e  24 de junho, às 10h e às 14h, no CEU Curuçá: Avenida Marechal Tito, 3452

Todos os sonhos do mundo (Cia teatral Os Satyros)

Para celebrar 30 anos de carreira, o ator e dramaturgo Ivam Cabral apresenta seu primeiro solo, no qual mescla relatos sobre sua formação pessoal e artística, sua origem em Ribeirão Claro, no Paraná, e suas andanças pelo mundo com a companhia Os Satyros, grupo do qual é um dos fundadores.

27 de junho, às 20h, no Centro Cultural Penha: Largo do Rosário, 20 – Penha de França; 6 de julho, às 21h, no Teatro dos Satyros 1: Praça Franklin Roosevelt, 134, Consolação. 

Africontos (Cia Mapinguary)

Africontos é um espetáculo de contação de histórias que mistura contos e música para narrar episódios que valorizam a memória e a cultura do povo africano.

13 de junho, às 14h, no CEU Três Pontes: Rua Capachós, 400 – Jardim Celia; 26 de junho, às 9h, e 28 de junho, às 14h, no CC São Miguel; 26 de junho, às 14h, no CC São Rafael: Rua Quaresma Delgado, 364 – Jardim Vera Cruz

A quase Morte de Zé Malandro (Cia Mapinguary)

Colombina e Pierrô são as únicas atrações de um pequeno circo prestes a fechar. Ao acolher um contador de histórias, Palhação, o dono do circo, descobre mais que uma atração, descobre que uma boa história pode tanto salvar o circo como encantar o público.

11 de junho, às 10h, no CEU Sapopemba: Rua Manuel Quirino de Mattos, s/n – Jardim Sapopemba; 20 de junho, às 16h, no CC Raul Seixas: Rua Murmúrios da Tarde, 211 – José Bonifácio

Compartilhe:

Por: SP Escola de Teatro

A SP Escola de Teatro é um equipamento da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e tem por atribuições a formação profissional na arte teatral.

1
Onde curtir um show de música independente delicinha em São Paulo
Pagar dois salários mínimos pra ver show não dá, né? Ainda mais quando São Paulo é a cidade onde você encontra …
2
RJ: Um mergulho literário no Real Gabinete Português de Leitura
O Rio de Janeiro é a Cidade Maravilhosa não apenas por suas paisagens e praias! Ali no centro fica um dos …
3
Casa Preta: lar da cultura alternativa de Salvador
Um Casarão no Dois de Julho tem cultura saindo pelas janelas! Com eventos do subsolo ao terraço, a Casa Preta …
4
SP: Maior festival de inovação e arte digital do Brasil
Unhide Conference, um festival de inovação e arte digital está em sua segunda edição. Fomos conferir esse encontro de arte, criatividade …
5
Terça do Vinil em Recife: rolê pra gente lisa
Depois de uma temporada granfina lá nas Europa, a minha, a sua, a nossa Terça do Vinil tá de volta …
6
02:19
Vem ver o céu à noite no Planetário da Gávea no Rio
Os amantes do universo têm um rolé para chamar de seu no Rio! Toda quarta e sábado acontece lá no Planetário …
7
04:15
Edifício Maletta: 4 lugares, alguns drinks e 1 varanda para amar em BH
Ele tem história e paixão. É comercial e residencial. Tem comida de boteco e bebida gourmet. Gente interessante de um …
8
03:26
Gravity VR em SP – A realidade virtual como você nunca viu
Hoje, vamos te mostrar a fronteira entre mundo físico e o virtual através de equipamentos e programas de última geração. Esse …