Projeto aborda pessoas na rua e pergunta “O que posso fazer por você agora?”

“A Jornada de Renata Quintela” mostra uma roteirista que ajuda desconhecidos comprando uma vassoura, organizando uma festa de aniversário ou carregando uma sacola pesada

Por: Redação | Comunicar erro

O que eu posso fazer por você agora?” É com essa pergunta  que a roteirista Renata Quintela aborda transeuntes nas ruas de São Paulo. Ela cuida de um projeto audiovisual que tem como princípio o pensamento de que todo mundo pode fazer alguma coisa por alguém.

reprodução
Renata (de preto) já ajudou uma xará que estava sozinha no dia de seu aniversário a organizar uma festa.

A “Jornada de Renata Quintela” começa com a simples pergunta aos passantes. As respostas são diversas e Renata e sua equipe se desdobram para realizar os pedidos imediatamente. Uma pessoa pediu ajuda para carregar uma sacola. Outra, para organizar uma festa de aniversário. Outra ainda, um abraço. Houve ainda quem pedisse auxílio para comprar uma vassoura, agendar uma consulta com o ortopedista e pedir dinheiro emprestado para uma viagem.

O objetivo é justamente esse: usar problemas cotidianos de desconhecidos para mostrar que ajudar é mais prazeroso e simples do que se imagina. “Um dia me deu vontade de ajudar pessoas desconhecidas, acreditando que o bem e o amor podem e devem ser espalhados”, disse Renata em entrevista ao iG. E a ideia é expandir o projeto para outras cidades, com a ajuda, quem sabe, de um contrato – um piloto do projeto está sendo estudado por canais de TV a cabo.

Leia a matéria na íntegra no iG.

Compartilhe: