O Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) tem por finalidade implementar políticas de valorização e fortalecimento das manifestações populares e de identidades, como as culturas afro-brasileiras, sertanejas, indígenas, de gênero, de orientação sexual e de grupos etários.

Além de fomentar, preservar, promover e fortalecer as manifestações culturais, o Centro  cuida das festas e celebrações populares, que na Bahia chegam a ter um alcance que impacta a economia e o turismo do estado. O órgão  ainda estuda e pesquisa essas culturas, através de relações produtivas e articulações com os respectivos meios acadêmicos estadual e federal. A cultura popular enquanto atividade de ordem econômica (como gastronomia e artesanato) e enquanto produtora de símbolos que se materializam em expressões dos saberes e dos conhecimentos, também é  observada pelo Centro.

Fonte: Site oficial