Dentro da Virada Cultural, as avenidas Rio Branco e Ipiranga são tomadas por coletivos, blocos, cantores e grupos cênicos.