O Museu da Imagem e do Som do Ceará, é responsável pela preservação, difusão e pesquisa da memória audiovisual do Estado. Inaugurado em 1980 e instalado no subsolo do prédio da Biblioteca Pública Governador Menezes Pimentel. Após alguns anos, deixa o antigo Departamento de Patrimônio de Bibliografia, passando a pertencer ao Departamento de Audiovisual. Neste processo, teve seu acervo ampliado ao receber equipamentos e documentos do Centro de Referência Cultural (CERES), além de uma coleção de filmes da TV Educativa.

Atualmente o acervo do MIS-CE é estimado em 150 mil peças entre discos de música brasileira e internacional (de 78, 45 e 33 e ½ rotações), CD’s, fitas de áudio, de rolo, cassete e micro-cassete, um acervo de imagem (fotografias cópia papel e digital) com imagens de Fortaleza Antiga, de outros municípios cearenses, de personalidades, festas e folguedos populares, artistas populares (cordelistas, artesãos, escultores, etc) cromos e negativos, filmes de diretores cearenses e registros de danças e festas da cultura popular tradicional (em diversos formatos como vídeos betacam, betamax,VHS e super VHS, DVD, H-8, películas de 16mm e 35mm, etc.), depoimentos de personalidades da história do Ceará, cordéis, partituras e muitos outros objetos que contam a história registrados em suportes audiovisuais.