Estéreo MIS traz show da cantora Illy na programação de junho

Por: Redação Comunicar erro
07
de junho 2019
21h

Promessa baiana produzida por Moreno Veloso e Alexandre Kassin, Illy apresenta músicas de seu primeiro álbum “Voo Longe” no dia 7 de junho. A apresentação acontece dentro do projeto mensal do Museu dedicado à música independente, o Estéreo MIS.

Os ingressos já estão à venda por R$ 14, no site da Ingresso Rápido e na recepção do Museu, mas os primeiros leitores que mandarem email para chavevilamundo@gmail.com com o título Illy, ganham um par de VIPs. Basta enviar nome completo, RG e esperar o resultado, em caso positivo, da produção.

Crédito: Thaty AguiarIlly começou a vida profissional ainda adolescente puxando trio pelo interior da Bahia e cantando em trilhas de peças de teatro

O som de Illy é essencialmente de MPB e flerta com os mais diversos segmentos que o gênero pode englobar, principalmente o pop, o reggae e o samba. Suas influências estão nas vozes de Rosa Passos, Mônica Salmaso, Elis Regina, Clara Nunes, Gal Costa e Maria Bethânia, no mar de Dorival Caymmi, no groove de Djavan e na malemolência dos Novos Baianos.

No repertório do show, Illy apresenta músicas de seu primeiro álbum Voo longe, como Só eu e você, Afrouxa e Sombra da lua, além de releituras de Edson Gomes, Djavan e Magary Lord, Ângela Maria e do Ilê Aiyê.

Voo longe, produzido por Alexandre Kassin e Moreno Veloso foi lançado no ano passado e vem colecionado ótimas críticas em veículos de imprensa espalhados por todo o Brasil. No disco, Illy canta diferentes gerações de compositores como Chico César, Arnaldo Antunes, Djavan, J. Velloso, Quito Ribeiro, Jonas Sá, Alberto Continentino, Davi Moraes, Pedro Baby,

Sobre a artista

Illy começou a vida profissional ainda adolescente puxando trio pelo interior da Bahia e cantando em trilhas de peças de teatro. Depois viajou pelo país liderando o grupo Samba Dibanda. Fez aulas na Oficina de Canto da UFBA e na Escola Baiana de Canto Popular. Seu primeiro projeto solo foi Illy canta os cem anos de Caymmi.

Em 2016 a baiana radicada no Rio de Janeiro lançou o EP Enquanto você não chega produzido por Alexandre Kassin e emplacou Só eu e você na trilha da novela Sol Nascente. Ano passado ela disponibilizou no seu canal do youtube a websérie Illy e a MPB de todos os sons com episódios cantando ao lado de nomes como Caetano Veloso, Fagner, Chico César, Roberta Sá, entre outros.

As produções da cantora foram tão bem-vindas que colocaram Illy na lista do Google Play com vinte nomes de promessas com base em análise feita a partir de buscas, streamings e discussões em redes sociais.