Sistema de compartilhamento de táxis no aeroporto facilita a vida de quem viaja muito

Por: Redação Comunicar erro

Quem viaja com certa frequência sabe as dificuldades que se pode encontrar na hora de voltar. No trajeto aeroporto-casa, é comum que as pessoas arranjem carona, corram atrás dos ônibus especiais ou paguem caro em um táxi.

Uma iniciativa, contudo, surge como opção a esse problema. Trata-se da Campanha Meleva Sampa, que propõe um sistema de compartilhamento de táxis. Para usá-lo, basta fazer um cadastro pela internet.  Depois disso, sempre que precisar do serviço, o usuário encaminha para o e-mail meusplanos@meleva.com a reserva da passagem da volta e escreve o endereço para onde vai depois do aeroporto. Então o sistema escolhe outra pessoa com horário de chegada e endereço mais próximos possíveis e combina a carona, entrando em contato com os interessados por e-mail e SMS.

Segundo os criadores, a segurança fica por conta do sistema, que confere se o passageiro esteve mesmo em um vôo. Além disso, é possível que os usuários avaliem uns aos outros, tomando como critérios, por exemplo, a pontualidade e a confirmação do pagamento prometido.

Por enquanto, o sistema funciona em forma de teste. Para funcionar plenamente, os criadores precisam que 5 mil pessoas se cadastrem até o dia 15 de dezembro. Para se cadastrar, basta preencher o formulário online.

Meleva
As filas de pessoas esperando táxi nos aeroportos é uma cena comum, mas algumas delas podem estar indo para os mesmos lugares e não sabem

Compartilhe:

1
01:38
Cachorros no escritório melhoram o ambiente de trabalho
Ambiente de trabalho saudável, acolhedor, com redução de estresse e melhora de relacionamento entre a equipe são os benefícios que …
2
01:20
5 dicas para ser um freela bem sucedido
Existem vários pontos positivos em atuar como freelancer no mercado. Mas, para conseguir ser bem sucedido nessa carreira é preciso …
3
01:36
5 mudanças da reforma trabalhista
Confira o que mudou na relação entre trabalhador em empresa com a aprovação da reforma trabalhista. Gostou? Deixe um like e …