16 frases de Silvio Santos com racismo, machismo ou homofobia

Um dos maiores comunicadores da história não está imune a ter comportamentos preconceituosos

Por: Redação

É inquestionável o fato de Silvio Santos ser um dos maiores nomes da comunicação brasileira. Proprietário do SBT, o apresentador de 86 anos passou de camelô no Rio de Janeiro para dono de empresas e de sua própria emissora.

Infelizmente, esta trajetória de sucesso não faz com que ele seja imune a velhos preconceitos e a comportamentos racistas, machistas e homofóbicos, especialmente nos programas de auditório que apresenta há anos na televisão.

E em tempos onde as questões raciais, o feminismo, a quebra de padrões e a luta LGBT estão cada vez mais em alta, a falta de bom senso em algumas frases e atitudes de Silvio Santos têm chamado a atenção e provocado reações, como as de João Vicente de Castro e Fernanda Lima.

Em diversos momentos, com diferentes pessoas, Silvio deu demonstrações de que precisa trazer a sua mentalidade para o século XXI, promovendo mais respeito a diferentes grupos sociais que, historicamente, sempre foram oprimidos.

E para um comunicador como ele, é fundamental ter mais responsabilidade. Suas atitudes influenciam outras pessoas, reforçando preconceitos ou comportamentos inadequados.

Separamos 16 situações em que Silvio Santos não teve bom senso e foi racista, machista, homofóbico ou preconceituoso de alguma forma.