Após esfaquear ex-mulher, suspeito ameaça atear fogo nela

Mensagem criminosa foi enviada para amiga da vítima

Por: Redação

Carlos Eduardo Soares de Farias está sendo investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal (DF), após esfaquear a ex-esposa e ameaçar a vítima e a família dela de morte.

Em áudio enviado através de um aplicativo de mensagens para uma amiga da vítima, o motorista de aplicativo afirmou que vai “colocar fogo na ex-mulher viva e ficar sorrindo depois do crime”.

Crédito: Reprodução/Arquivo PessoalCarlos Eduardo Soares de Farias está sendo procurado pela Polícia Civil do DF

A ex-companheira registrou uma ocorrência contra ele na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) do DF, no dia 25 de junho.

De acordo com o “G1”, Carlos Eduardo Soares também disse que vai “dar três tiros na cabeça da mulher”. “Minha irmã está super abalada psicologicamente. Tem que tomar remédio para dormir. Não está sendo fácil para a nossa família”, declarou uma irmã da vítima à publicação.

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal expediu mandado de prisão preventiva contra o homem, mas ele ainda não foi encontrado pelos policiais.

O casal ficou junto por 13 anos e se separou há cerca de nove meses. Antes da ameaça, o homem já tinha esfaqueado a ex-companheira. Em 17 de maio deste ano, Carlos Eduardo atacou a vítima com três facadas em Formosa, Goiás.

A mulher ficou quatro dias internada, mas sobreviveu.