CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Auxílio emergencial para trabalhadores informais pode ser fixado em R$ 500

Rodrigo Maia ressaltou que o benefício visa dar condições para os brasileiros enfrentarem a crise

Por: Redação

Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, 26, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, sinalizou que o valor do auxílio emergencial destinado a trabalhadores autônomos, informais e sem renda fixa pode ser fixado em R$ 500.

Ele frisou que o benefício visa dar condições para os brasileiros enfrentarem a crise. A proposta deve ser votada pela Câmara ainda hoje.

Menos que a população precisa

Em meio ao debate sobre o valor do plano auxílio, na semana passada o governo propôs pagamento de R$ 200 e, na última quarta-feira, 25, o secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, propôs aumento de R$ 100. Maia, no entanto, criticou a proposta. “O que a gente tem entendido é que a proposta do governo é muito pequena diante do que a população brasileira precisa.”

Segundo os cálculos apresentados por Maia, o impacto do pagamento dos R$ 500 durante três meses custaria entre  R$ 10 bilhões a R$ 12 bilhões aos cofres públicos. “A nossa opinião é que esse valor vai gerar um impacto a mais de R$ 10 bilhões, R$ 12 bilhões. Mas em relação ao que o Brasil precisa investir, garantir à sociedade brasileira, é muito pouco”, disse.

Quem pode receber o “auxílio emergencial” ?

  • maiores de 18 anos;
  • não tenha emprego formal;
  • não seja titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o bolsa-família;
  • a renda mensal per capita seja de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos;
  • que não tenha recebido em 2018 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

Mais informações: o benefício será pago a microempreendedor individual, contribuinte individual do Regime Geral de Previdência Social ou trabalhador informal, inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) até 20 de março de 2020.

Com informações do G1. 

1
Guia Negro entrevista Luedji Luna: “A África mais próxima do brasileiro é a Bahia”
A cantora e compositora Luedji Luna conta que quando mudou da Bahia para São Paulo se tornou mais baiana e …
2
O pagamento dos R$ 600 e o cadastro dos trabalhadores fora do CadÚnico
O governo anunciou na terça-feira, 7, os detalhes sobre o pagamento da renda básica emergencial de R$ 600 para os …
3
Como vai funcionar a renda básica emergencial de R$ 600?
Os trabalhadores de baixa renda sem carteira assinada vão poder contar com uma renda básica emergencial do governo para lidar …
4
Bolsonaro prefere ser ‘do contra’ e luta sozinho contra o isolamento social
O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), insiste em desafiar as recomendações do Ministério da Saúde e da Organização …
5
E se Bolsonaro foi contaminado com coronavírus?
O que não passava de pura especulação e teoria da conspiração tem ganhado ares de verdade com novos capítulos envolvendo …
6
Coronavírus: Câmara aprova auxílio de R$600 para pessoas de baixa renda
A Câmara dos Deputados aprovou na quinta-feira, 26, uma medida que prevê o pagamento de R$600 para trabalhadores de baixa …
7
Bolsonaro e o coronavírus: um presidente na contramão do mundo
O pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na noite de terça-feira, 24, pegou de surpresa integrantes do governo e …
8
Entenda a MP da Morte: da polêmica e revogação por Bolsonaro até o erro de redação de Guedes
Em apenas uma canetada o presidente Jair Bolsonaro autorizou empresas a suspenderem contratos com seus empregados por 4 meses, sem …