Últimas notícias:

Loading...

Bibliotecário lê livros para idosos por telefone em meio à pandemia

Em meio a restrições, "Contos por Telefone" supera desafios da pandemia para levar histórias a casas de repouso

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Em Madri, na Espanha, funcionários da Biblioteca Municipal Pedro Lorenzo se reuniram para praticar um importante gesto de solidariedade: ler para idosos em casas de repouso

Criado em 2015, o programa de leitura viu sua rotina de visitas a asilos ser interrompida com a chegada da pandemia.

Diante do impasse causado pelos protocolos de restrições, Juan Sobrino resolveu recriar o programa com o projeto “Contos por Telefone”, passando a contar as histórias através das ligações. Em entrevista à prefeitura de Soto del Real, ele justificou a ideia: “Pensei nos idosos, que são os mais vulneráveis ​​à Covid-19 e que não podem sair de casa com frequência, e também naqueles que estão em lares de cuidado especial e não podem receber visitas de familiares ou amigos.”

E o que aparentemente parecia ser um problema, na verdade, converteu-se em solução para todos os envolvidos no projeto. Isso porque se antes o programa reservava um mês para cada título escolhido, hoje, pelo telefone, os idosos podem ouvir novas histórias uma vez por semana.

Além disso, afim de criar vínculo entre os participantes, o projeto prevê que cada voluntário atenda sempre a mesma pessoa. A ideia é que, assim, a pessoa saiba quais livros escolher para o idoso.

Com a pandemia, o projeto, além de se readequar ao novo formato, também viu a necessidade de recrutar novos voluntários. Ao todo, três casas de repouso de Soto del Real são atendidas pelo programa. Os bate-papos levam, em média, 20 minutos de duração, e variam de acordo com o interesse de cada ouvinte.

Compartilhe: