Últimas notícias:

Loading...

Bolsonaro diz que tomará ‘medidas legais‘ em ação do STF contra aliados

Em uma série de tuítes, o presidente disse que vai reagir e não vai “assistir calado” enquanto “direitos são violados e ideias são perseguidas

Por: Redação

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) usou as redes sociais na noite desta terça-feira, 16, para se pronunciar sobre a ação da Polícia Federal contra aliados do seu governo em inquérito do STF (Supremo Tribunal Federal) que apura o financiamento de atos antidemocráticos.

Em uma série de tuítes, o presidente disse que vai reagir e não vai “assistir calado” enquanto “direitos são violados e ideias são perseguidas”.

Crédito: Isac Nóbrega/PRPreside Bolsonaro vê violação de direitos em ação do STF e diz que tomará ‘medidas legais’ para proteger Constituição

Bolsonaro escreveu ainda que “os abusos presenciados por todos nas últimas semanas foram recebidos pelo governo com a mesma cautela de sempre, cobrando, com o simples poder da palavra, o respeito e a harmonia entre os poderes”.

O presidente acrescentou que “é o povo que legitima as instituições, e não o contrário”, o que, para ele, caracteriza uma democracia.

Ação da PF

Ontem, a Polícia Federal cumpriu 21 mandados de busca e apreensão como parte do inquérito que investiga o financiamento de manifestações antidemocráticas. Entre os alvos da operação estão dirigentes do partido Aliança pelo Brasil, que Bolsonaro pretende fundar, blogueiros, deputados e youtubers de extrema direita.

Na segunda, a PF prendeu Sara Winter –líder do “300 pelo Brasil”.

Também ontem, o ministro do STF Alexandre de Moraes determinou a quebra do sigilo bancário de dez deputados federais e um senador bolsonaristas.

Na rede social, Bolsonaro se referiu às medidas do STF como “abusos”.

Compartilhe: