Bolsonaro planeja extinguir o Ministério do Trabalho

A possível mudança recebeu críticas de sindicatos e de integrantes do atual governo

Por: Redação | Comunicar erro
Jair Bolsonaro
Crédito: José Cruz/Agência BrasilO presidente eleito Jair Bolsonaro

A equipe de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro avalia extinguir o Ministério do Trabalho, existente desde 1930. De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, há alternativas sendo estudadas para que a condução dos temas ligados a emprego e renda ocorra de forma mais eficiente do que concentrada em uma única pasta, como associar a área a algum órgão ligado à Presidência da República.

Entre outras alternativas, está em discussão fatiar as diferentes áreas e transferir a gestão de alguns assuntos, além da criação de novos modelos para a condução de questões sindicais e de fiscalização. Na segunda-feira, 5, a equipe do presidente eleito recebeu uma proposta de empresários para agregar ao Ministério da Indústria (Mdic) o Ministério do Trabalho.

Integrantes do atual governo são contrários à possibilidade de perda do status de ministério. Em nota divulgada na manhã desta terça-feira, 6, o Ministério do Trabalho declarou que foi “criado com o espírito revolucionário de harmonizar as relações entre capital e trabalho em favor do progresso do Brasil” e “se mantém desde sempre como a casa materna dos maiores anseios da classe trabalhadora e do empresariado moderno, que, unidos, buscam o melhor para todos os brasileiros”.

A possível mudança no ministério também recebeu críticas de sindicatos. A Força Sindical disse, em comunicado, que a proposta de acabar com o Ministério do Trabalho é nefasta.

“Queremos o Ministério do Trabalho como um bom instrumento que possa alavancar ações relevantes para o mundo do trabalho com medidas progressistas que melhorem as relações entre governo, empresariado e trabalhadores, e dar um novo alento ao setor produtivo nacional”, afirmam Miguel Torres e João Carlos Gonçalves, líderes sindicais.

Veja a reportagem na íntegra.

Compartilhe:

1 / 8
1
02:09
Maioria reprova mudanças para o trânsito propostas por Bolsonaro
De acordo com uma pesquisa Datafolha, divulgada neste domingo, dia 14, a maioria da população reprova o projeto de lei …
2
02:00
Jair Bolsonaro volta a defender filho Eduardo na embaixada nos EUA
Alvo de críticas desde a última semana por indicar Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, …
3
04:13
Eduardo Bolsonaro ganha bolsa embaixada de seu pai
O presidente Jair Bolsonaro disse em entrevista que pretende indicar seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, como embaixador do …
4
06:27
Previdência: entenda como pode ficar a sua aposentadoria
A Câmara dos Deputados aprovou com 379 votos o texto-base da reforma da Previdência. No entanto, a proposta ainda pode …
5
01:58
Desastre na Bahia: Barragem se rompe e moradores deixam suas casas
Uma barragem se rompeu na cidade de Pedro Alexandre, a 435 quilômetros de Salvador, na Bahia, na manhã desta quinta-feira, …
6
16:59
Glenn no Senado: confira os principais momentos do depoimento
O jornalista Glenn Greenwald, editor do portal The Intercept Brasil, foi ao Senado prestar esclarecimento sobre o vazamento das mensagens …
7
03:14
Dimenstein: Por que eu defendo a reforma da previdência?
A Câmara aprovou nesta quarta-feira, 10, o texto principal da reforma da Previdência. O placar foi de 379 votos a …
8
03:22
Dimenstein: por que eu defendo Tabata Amaral?
Em meio à polêmica envolvendo a votação pela reforma da Previdência, que aconteceu nesta quarta-feira, 10, no plenário da Câmara, …