Candidato a vereador é preso com mais de R$ 15 mil escondidos na cueca

Dinheiro estava com Edilvan Messias dos Santos, o 'Vanzinho de Altos Mares' (PSD)

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Um candidato a vereador de Carira, cidade do interior de Sergipe, foi preso com R$ 15,3 mil escondidos na cueca. A polícia suspeita que Edilvan Messias dos Santos, o ‘Vanzinho de Altos Mares’ (PSD) iria usar o dinheiro para comprar votos.

Segundo o G1, a Polícia Militar foi informada que pessoas estavam em dois veículos, sendo um deles conduzido pelo candidato acompanhado por sua esposa. Após abordagem, a polícia encontrou uma grande quantidade de material de propaganda eleitoral no carro.

dinheiro na cueca
Crédito: Divulgação/PMESEdilvan Messias dos Santos, o ‘Vanzinho de Altos Mares’ (PSD) , estava com R$ 15,3 mil escondidos na cueca

Ao revistar o candidato, segundo a polícia, foi encontrada uma sacola plástica guardada na cueca dele com células de dinheiro.

Em depoimento, Edilvan disse que a quantia seria usada para a compra de um carro. “Segundo o suspeito, ele estava no povoado fazendo sua campanha eleitoral juntamente com o candidato a prefeito, que ainda informou que essa quantia em dinheiro era para comprar um veículo e que havia recebido esse dinheiro hoje no município de Itabaiana”, informou a comunicação da PM

Edilvan Messias foi levado à delegacia e liberado em seguida. O material foi apreendido.

Ao G1, o diretório municipal do PSD disse em nota que repudia qualquer ato de irregularidade ou ilegalidade, e que o partido não pode ser responsabilizado pela conduta do filiado. O caso será apurado pela legenda.

Compartilhe: