Caso naja: novos vídeos mostram amigo do estudante atiçando a cobra

Ao todo, três gravações comprovam: eles se colocaram em risco e ainda maltrataram o animal

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Mais um episódio do “caso naja” veio à tona. A investigação Snake da Polícia Civil do Distrito Federal apreendeu celulares e, neles, encontrou vídeos que mostram amigos de Pedro Henrique Krambeck Lehmkuh provocando a naja que picou o estudante de veterinária no começo de julho.

Ao todo, são três vídeos. No primeiro, um jovem fica sentado no chão, ao lado da naja, que está solta. Ele fica atiçando, batendo no piso ao redor dela, para provocá-la. No segundo, a naja está dentro de uma caixa, e uma pessoa aparece provocando a cobra, que chega a sair parcialmente por um buraco.

caso naja
Crédito: Reprodução/G1Caso Naja: novos vídeos mostram amigo do estudante atiçando a cobra

Numa terceira gravação, aparecem duas pessoas extraindo veneno de uma cobra, que seria uma jararaca. Um homem segura o animal, e outro segura um copo, por onde é possível ver o veneno sendo expelido por ela. Pelo áudio, é possível ouvir que o homem chama o jovem de Pedro. Depois, ele pergunta, em tom irônico, enquanto o líquido pinga no copo: “Será que ela tem veneno?”.

Assista:

Na sexta-feira (4), a Justiça do Distrito Federal aceitou a denúncia do Ministério Público do DF (MPDFT) contra Pedro Krambeck . A mãe dele, o padrasto e um amigo também se tornaram réus e vão responder por venda e criação de animais sem licença, além de maus-tratos.