Casos de latrocínios, roubos e furtos crescem em fevereiro em SP

Números de homicídios, estupros e roubos e furtos de veículos caíram

Por: Redação

O Estado de São Paulo registrou alta no número de latrocínios, roubos e furtos em fevereiro. Já os casos de homicídios e estupros diminuíram, de acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgados nesta quarta-feira, 25.

Os casos de latrocínios (roubo seguido de morte) aumentaram de 12, registrados em fevereiro do ano passado, para 22, no último mês –um aumento de 83,3%. O número de vítimas de latrocínio também subiu. Passou de 13 para 24, alta de 84,6% na comparação com o mesmo mês de 2019.

Crédito: Divulgação/PMESPSP registra maior quantidade de furtos em fevereiro na história

Os roubos em geral tiveram alta 22,3% –23.708 contra 19.381 registrados em fevereiro do ano anterior. Os casos de furtos em geral também cresceram: de 42.934 (fevereiro de 2019) para 47.015 (fevereiro de 2020). O maior na história para o mês.

Já o número de casos de homicídios, com duas ocorrências a menos em fevereiro, caíram de 212 para 210 (fevereiro de 2019) – queda de 0,9%. O número de vítimas de homicídios também diminuiu, de 219 para 218, uma queda de 0,5%.

Os totais do número de casos e vítimas de homicídios são os menores da série histórica, iniciada em 2001.

Estupros e roubos de veículos

Em fevereiro, os casos de estupros no estado registraram queda. Foram 885 casos contra 946, uma baixa de 6,4% na comparação com o mesmo mês de 2019.

Os roubos de veículo também apresentarem queda, passando de 3.562 para 3.242 – 320 casos a menos. Os furtos de veículos, por sua vez, diminuíram 8,6% –foram 6.610 ocorrências no mês passado contra 7.233 em fevereiro de 2019. As somas são as menores da série.

Com 68 ocorrências contabilizadas a menos, os roubos de carga seguiram a tendência de queda –-passaram de 587 para 519 (-11,6%). Já os roubos a banco subiram de dois para seis boletins de ocorrência dessa natureza.

Compartilhe: