CPTM é condenada a pagar R$ 50 mil à vítima de abuso sexual

Um homem ejaculou na mulher dentro do trem

Por: Redação | Comunicar erro
O pedido de indenização da passageira foi feito em 2017

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) foi condenada pela 42ª Vara Cível de São Paulo a pagar R$ 50 mil por danos morais a uma passageira que foi vítima de abuso sexual dentro de um vagão. O processo está em segredo de Justiça e o Tribunal de Justiça (TJ) não divulgou a data do crime. O pedido de indenização ocorreu em 2017.

A CPTM disse que irá recorrer da decisão e que “repudia o abuso sexual dentro e fora dos trens”. Além disso, informou que mantém agentes de fiscalização e monitora os vagões. “Em cerca de 80% dos processos semelhantes, a Justiça considera que a CPTM não é responsável pelo ato doloso de terceiros”, diz a nota enviada ao G1 pela companhia.

Segundo relato da vítima, um homem ejaculou em sua direção no transporte público. Testemunhas confirmaram o acontecimento e a CPTM não negou o fato.

“Reconheceu a ré (CPTM) o lamentável assédio descrito na inicial. Reconheceu, por consequência, não ter cumprido o contrato de transporte em questão, por ter deixado de levar a autora incólume ao local de destino”, declarou na sentença o juiz André Augusto Salvador Bezerra.

De acordo com o magistrado, o assédio “gerou na vítima evidentes ofensas extrapatrimoniais, atingindo-a como ser humano que, certamente, teve irreparável trauma. Deve, portanto, a ré, indenizar a autora”.

Leia a nota na íntegra:

“A CPTM informa que irá recorrer da decisão e que repudia o abuso sexual dentro e fora dos trens. Em cerca de 80% dos processos semelhantes, a Justiça considera que a CPTM não é responsável pelo ato doloso de terceiros.

Nos últimos anos, a Companhia intensificou o treinamento dos empregados das áreas de segurança e operação específico para atendimento às vítimas de abuso sexual e as campanhas de conscientização para estimular as denúncias. Entre as campanhas está a “Juntos podemos parar o abuso sexual nos transportes”, em parceria com o TJ-SP, MP-SP e outros sistemas de transporte, que resultou em uma cartilha divulgada nas estações e nos canais de atendimento da CPTM.

A Companhia também conta com 1.300 agentes uniformizados e à paisana, que fazem rondas constantes nas estações, e com um sistema de monitoramento com mais de 5.000 câmeras de vigilância em toda a rede. Em caso de ocorrência, a vítima deve informar o fato imediatamente a um funcionário, apontando o autor, a fim de que o mesmo seja conduzido a uma delegacia para o registro do BO.

Os usuários podem contribuir com a segurança do sistema, denunciando eventuais irregularidades pelo serviço do SMS-Denúncia (97150-4949). O serviço garante total anonimato ao denunciante e a mensagem é recebida no Centro de Controle de Segurança, que destaca os agentes mais próximos para atuação imediata”.

1 / 8
1
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
2
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
3
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
4
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
5
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
6
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
7
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …
8
07:44
Saiba tudo sobre os métodos anticoncepcionais
Prevenção é essencial quando o assunto é relação sexual. Hoje, há outros modos de prevenção que vão além da pílula e …