Por declaração homofóbica, Bolsonaro tem condenação mantida

Palácio do Planalto não se manifestou sobre condenação de Bolsonaro

Por: Redação | Comunicar erro

Recentemente apontado pelo prefeito de Nova York (EUA), Bill de Blasio, como homofóbico, Jair Bolsonaro (PSL) voltou a ser condenado por declarações preconceituosas. Com a decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, anunciada na noite da última quinta-feira, 9, o mandatário terá que pagar R$ 150 mil por danos morais ao Ministério da Justiça.

A condenação diz respeito a uma entrevista de 2011 cedida ao extinto CQC na época exibido pela TV Bandeirantes. Questionado sobre sua reação caso tivesse um filho gay, Bolsonaro respondeu que isso jamais aconteceria porque (seus filhos) “tiveram uma boa educação”.

No passado, Bolsonaro afirmou em diversas entrevistas que é “homofóbico, com muito orgulho” e que preferia ter um filho morto a um filho homossexual

Desde então, o recurso estava sob análise do tribunal como embargo de declaração – quando exige-se, a pedido do acusado, esclarecimentos sobre a decisão.

No entanto, segundo interpretação da Justiça, as declarações de Bolsonaro não deixam dúvida sobre o teor de intolerância. Apesar disso, Bolsonaro pode apelar aos tribunais superiores. O Palácio do Planalto não quis se manifestar.

1 / 8
1
06:43
Após ser acusado de comunista, Dimenstein cobra provas de Hasselmann
A deputada federal Joice Hasselmann perdeu a calma nas redes sociais ao atacar o jornalista Gilberto Dimenstein, acusando-o de militante …
2
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
3
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
4
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
5
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
6
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
7
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
8
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …