Desastres mataram cerca de 525 mil pessoas nos últimos 20 anos

Os países mais afetados pelas catástrofes climáticas neste período foram Honduras, Mianmar e Haiti

Por: Redação

De acordo com a ONG Germanwatch, cerca de 525 mil pessoas morreram no planeta em 15 mil eventos extremos nos últimos 20 anos. No relatório “Índice global do risco climático“, a instituição analisou dois panoramas: um sobre a média dos estragos provocados pelo aquecimento global de 1995 a 2014 e outro dedicado somente aos eventos extremos registrados no ano passado.

As catástrofes deram um prejuízo de US$ 2,97 trilhões nas últimas duas décadas, segundo o levantamento. O índice desenvolvido pela ONG avalia alguns critérios: o número de mortes (total e média a cada cem mil habitantes), o efeito percentual sobre o PIB e o impacto no poder de compra da população.

Os países mais afetados pelas catástrofes climáticas neste período foram Honduras, Mianmar e Haiti. Já o Brasil aparece em 82º lugar. Ao considerar somente o ano passado, a lista é liderada por Sérvia, Afeganistão e Bósnia e Herzegovina. Neste caso, o Brasil sobe para a 21ª posição.

As catástrofes deram um prejuízo de US$ 2,97 trilhões nas últimas duas décadas

Em entrevista ao jornal ‘O Globo‘, um dos autores do estudo, Sönke Kreft, afirma que as grandes precipitações serão o principal problema do planeta nas próximas décadas. Entre as regiões cada vez mais afetadas pelas mudanças climáticas, está o “lado pobre” da Europa, onde estão localizadas a Sérvia e Bósnia e Herzegovina.

No entanto, as vítimas são sempre os mais pobres: nove dos dez países mais atingidos entre 1995 e 2014 estão entre as nações em desenvolvimento de renda mais baixa ou média. O Paquistão, por exemplo, está entre os dez primeiros do ranking há cinco anos seguidos.

A equipe responsável pelo levantamento reconhece, ainda, algumas limitações. O estudo é restrito à análise dos efeitos diretos do aquecimento global e não considera, por exemplo, a quantidade de desastres que ocorreriam mesmo sem interferência humana.

Compartilhe:

1
Greta Thunberg: pirralha para Bolsonaro, personalidade para Time
A jovem sueca Greta Thunberg é hoje um dos principais nomes da causa ambiental mundial. Ela transformou a sua greve …
2
Moda e consumo consciente na periferia: conheça o Brechó do Barulho
A periferia domina a moda sustentável. O movimento de trocar e emprestar sempre esteve presente nas quebradas de todo o …
3
Djonga, Criolo e Cynthia Luz comentam ‘volta’ do AI-5
A Catraca Livre e o rapper V.A.L.E, do grupo MR-13 e Batalha da Matrix, colaram no Festival Sons da Rua, …
4
Podemos decide expulsar o deputado Marco Feliciano do partido
A diretoria do partido Podemos em São Paulo decidiu na segunda-feira, 9, expulsar o deputado federal Pastor Marco Feliciano da …
5
Joice Hasselmann fala sobre o Pavão Misterioso e o Gabinete do Ódio
Pavão Misterioso, Gabinete do Ódio de Bolsonaro e muitas outras questões foram abordadas no depoimento da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) …
6
Os principais pontos do pacote anticrime de Moro aprovado pela Câmara
A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira, 4, o pacote anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro. O conjunto de …
7
Tudo o que se sabe sobre a ação policial em Paraisópolis
No último domingo, 9 jovens morreram supostamente pisoteados durante ação realizada pela Polícia Militar na comunidade de Paraisópolis, em São …
8
PSL pune postura de Eduardo Bolsonaro e de outros 17 parlamentares
O diretório nacional do Partido Social Liberal (PSL) decidiu na terça-feira, 3, punir 18 parlamentares acusados de articular o afastamento …