Doria recomenda fechamento de shoppings e academias em SP

A decisão está entre as sete medidas que o governo anunciou para reduzir a disseminação do novo coronavírus

Por: Redação
Doria
Crédito: Agência Brasil/Wilson DiasDoria tem anunciado medidas para conter o avanço da doença no estado

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), recomendou nesta quarta-feira, 18, o fechamento de shoppings e academias na região metropolitana de São Paulo, de 23 de março até 30 de abril, por razões sanitárias e proteção dos funcionários contra a pandemia de coronavírus.

A decisão está entre as sete medidas que o governo anunciou, durante coletiva de imprensa, para reduzir a disseminação do Covid-19, mas não inclui estabelecimentos do interior do estado. Doria também determinou que os postos do Detran e Poupatempo vão regular a circulação.

“O governo de são Paulo vai solicitar mais recursos para o Ministério da Saúde. O epicentro do coronavírus é o estado. Vamos fazer oportunamente”, afirmou o governador.

Estamos ao vivo para anunciar novas medidas de combate ao coronavírus. #GestãoTransparente #GovernoSP

Posted by João Doria on Wednesday, March 18, 2020



Além disso, o governo fez uma parceria com mil farmácias da capital para ajudarem na campanha de vacinação a partir de segunda-feira. Doria também prometeu aumentar a entrega de medicamentos.

Segundo o governador, a secretaria de Desenvolvimento Regional vai enviar aos prefeitos diariamente, às 18h, informativos sobre as medidas tomadas pela gestão.

Serão destinados, ainda, mais R$ 275 milhões, do Banco de Desenvolvimento do Estado e São Paulo, para enfrentar o coronavírus. A prioridade de receber são micro e pequenas empresas.

De acordo com Doria, o formato é financiamento, destinado ao turismo, economia criativa e comércio (restaurante, bares, cafés e similares). Se solicitarem a ajuda, os empresários vão ter entre 60 e 90 dias para ampliar o pagamento de dívidas.

Compartilhe: