Em defesa do IBGE, OIT critica declaração de Bolsonaro

“A OIT apoia fortemente a metodologia seguida pelo IBGE para estimar o emprego e o desemprego, seguindo padrões internacionais”, ressaltou diretor

Por: Redação | Comunicar erro
jair bolsonaro
Crédito: Tânia Rêgo/Agência Brasil“Vou querer que a metodologia para dar o número de desempregados seja alterada no Brasil. O que está aí é uma farsa”,

Após Jair Bolsonaro classificar os números sobre o desemprego no país como “farsa”, a Organização Internacional do Trabalho anunciou apoio ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Após a declaração do presidente eleito, um dos diretores da entidade procurou o FMI e o OCDE para pedir vigilância sobre o futuro governo brasileiro.

Rafael Diez de Medina, chefe de estatísticas e diretor do Departamento de Estatísticas da OIT, avaliou a declaração de Bolsonaro como “perigosa”, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. “Toda declaração de um pessoa que vai ocupar um cargo tão alto, e que de uma maneira bastante agressiva questiona uma definição internacional, de alguma maneira me faz pensar que existe um certo perigo sobre o que poderia ocorrer no futuro se existe uma discrepância técnico na qual os dados não são o que politicamente se queira”, disse Medina.

Além disso, sinalizou preocupação quanto à independência do processo de apuração das estatísticas no país. “A intromissão do sistema político é um perigo. Uma das primícias é a independência das estatísticas e autonomia com o objetivo de evitar a interferência política nessa elaboração. E isso implica seguir os padrões internacionais”, defendeu.

Lembrou ainda o caso da Argentina, que, durante a gestão de Cristina Kirchner, manipulou os dados. Na época, o país vizinho chegou a ser ameaçado de expulsão pelo FMI. “A administração anterior a atual manipulou os dados e o sistema internacional reagiu, condenando”.

Pelas redes sociais, Medina declarou apoio ao IBGE. “A OIT apoia fortemente a metodologia seguida pelo IBGE para estimar o emprego e o desemprego, seguindo padrões internacionais”. E alertou que instituições internacionais estarão atentas ao futuro das estatísticas no Brasil. “O sistema internacional de estatísticas estará em alerta e pronto para reagir a esses tipos de reações na Era Pós Verdade”, criticou.

.

Compartilhe:

1 / 8
1
54s
Desembargador do TRF2 manda soltar ex-presidente Michel Temer
O desembargador Antonio Ivan Athié, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2 ), determinou nesta segunda-feira, 25, a soltura do …
2
05:08
Ex-presidentes brasileiros que foram presos e você não sabia
Em mais uma etapa da Operação Lava Jato, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira, 21, o ex-presidente Michel …
3
04:04
Carlos Bolsonaro irrita Rodrigo Maia e complica Previdência
O vereador Carlos Bolsonaro (PSC) irritou o presidente da Câmara Rodrigo Maia com comentários críticos no Twitter. As alfinetadas gerou …
4
01:39
Marcela Temer vira alvo de comentários machistas na web
Após a prisão de Michel Temer pela Lava Jato do Rio de Janeiro, a ex-primeira-dama Marcela Temer virou alvo de …
5
53s
Operação Lava Jato prende ex-presidente Michel Temer
Em mais uma etapa da Operação Lava Jato, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira, 21, o ex-presidente Michel …
6
02:53
Suzano e Nova Zelândia: os impactos da exposição excessiva
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse que o nome do atirador que matou 50 pessoas em uma mesquita em …
7
02:28
Posse de armas: Nova Zelândia dá exemplo de civilidade ao mundo
Após chocar o mundo nesta semana com o massacre de 50 pessoas em duas mesquitas de Christchurch, a Nova Zelândia …
8
03:10
Entenda o mistério por trás da boneca Momo
Ainda mais perturbador, o Desafio da Momo está de volta e desta vez a boneca aparece supostamente dentro de vídeos …