Em petição, deputado David Miranda pede demissão de Augusto Nunes

Até as 9h50 desta sexta-feira, 8, mais de 14.00 pessoas já haviam assinado a petição. A meta é chegar a 20.000

Por: Redação

O deputado federal David Miranda (PSOL-RJ) lançou um abaixo-assinado para pressionar veículos de comunicação a demitir o jornalista Augusto Nunes. A medida é uma reação as agressões que seu companheiro, o jornalista Glenn Greenwald, sofreu nesta quinta-feira, 7, durante o programa “Pânico”, da rádio Jovem Pan.

Crédito: Reprodução/Jovem PanChamado de covarde, Augusto Nunes agrediu Glenn Greenwald durante transmissão do programa “Pânico”

“Esse canalha usou nossos filhos, duas crianças, para atacar o trabalho do meu marido. Hoje ele agrediu Grenn ao vivo. Se os veículos em que trabalha esse jornalista sem ética e sem escrúpulos forem sérios, ele será demitido. Assine para pressionar”, escreveu Miranda no Twitter.

Crédito: ReproduçãoAté as 9h50 desta sexta-feira, 8, mais de 14.000 pessoas já haviam assinado a petição. A meta é chegar a 20.000

Rapidamente a publicação ganhou adesões. Até as 9h50 desta sexta-feira, 8, mais de 14.000 pessoas já haviam assinado a petição. A meta é chegar a 20.000.

O jornalista Augusto Nunes é colunista da revista Veja e da Record TV, no Jornal da Record, além de trabalhar na rádio Jovem Pan e como comentarista do “Jornal da Manhã” e do programa “Os Pingos nos Is”.

O texto de apresentação da petição pública diz que o “jornalista Augusto Nunes passou dos limites éticos e usou dos filhos de 10 e 12 anos do premiado jornalista Glenn Greenwald — fundador do jornal The Intercept e casado com o deputado David Miranda — para desqualificar e atacar o trabalho feito por Glenn. Augusto fez uma ilação em seu programa na Rádio Jovem Pan dizendo que o juizado de menores deveria investigar o cuidado com os filhos do casal, já que eles passavam o dia, vejam bem, TRABALHANDO.

Entenda o caso

Convidados do programa Pânico, da Jovem Pan, desta quinta-feira, 7, o jornalista Augusto Nunes, da Record, agrediu Glenn Greenwald, do site The Intercept, durante a transmissão ao vivo.

A confusão teve início quando os participantes discutiam sobre a polêmica envolvendo os filhos de Glenn com o deputado David Miranda (PSOL-RJ).

Chamado de covarde, Augusto Nunes desferiu um tapa na cara do jornalista norte-americano; em seguida, a equipe do programa interviu para impedir novas agressões.

A transmissão foi suspensa por 12 minutos e, na volta, apenas Glenn permaneceu na transmissão.

1
9 pontos polêmicos que Sergio Moro se esquivou no Roda Viva
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, foi o primeiro entrevistado da nova temporada do programa Roda Viva, …
2
‘Noivado’ de Regina Duarte com Bolsonaro divide opiniões
“Nós vamos noivar, vou ficar noiva, vou lá conhecer onde eu vou habitar, com quem que eu vou conviver, quais …
3
A queda: entenda a polêmica que custou o cargo de Roberto Alvim
Após praticamente reproduzir um discurso do ministro nazista Joseph Goebbels, o ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim, protagonizou uma polêmica que …
4
Impunidade de Victor não é caso isolado no Brasil de Bolsonaro
Victor Chavez, cantor sertanejo da extinta dupla Victor e Léo, foi condenado por agredir a esposa grávida de quatro meses …
5
Anarquia da ponte pra lá: a história do punk na periferia de SP
Autor do livro My Way, Valo Velho é história viva da cena anarcopunk de São Paulo. A Catraca Livre foi até …
6
Backer: entenda o caso das cervejas contaminadas
O Ministério da Agricultura suspendeu a venda de cervejas da marcar Backer e determinou que a empresa faça um recall …
7
O que é liberdade de expressão?
O que é liberdade de expressão? Entenda o significado e a importância desse direito tão importante para todos nós neste …
8
Entenda o acordo nuclear que envolve EUA x Irã
Errata: ao contrário do que aparece no vídeo, o nome do especialista entrevistado é Lucas Leite e não Felipe. O …