Festival vai plantar um milhão de árvores na Amazônia

O plantio das árvores na região será feito nos próximos três anos

Por: Redação

Para chamar a atenção sobre o aquecimento global e promover o reflorestamento das áreas mais degradadas de Manaus, na Amazônia, o Rock in Rio lançou um projeto que propõe o plantio de um milhão de árvores na região durante os próximos três anos, até 2019.

Intitulado “Amazônia Live”, o evento foi anunciado no dia 4 de abril e vai ser realizado na capital amazonense no final de agosto. Além disso, um palco flutuante será montado no Rio Negro, próximo a um hotel de selva, e outra estrutura será colocada na praia da Ponta Negra.

Para o plantio das árvores, será utilizado um mix de sementes chamado de muvuca, técnica que utiliza semeadura direta e foi escolhida e aprimorada pelo Instituto Socioambiental (ISA) para reproduzir o processo natural da floresta. A experiência de plantadores do Xingu-Araguaia prova que plantar as sementes diretamente no chão é o melhor método para a maioria dos tipos de árvores.

Crédito: (c)NEIL PALMER PHOTOGRAPHYA iniciativa propõe o reflorestamento da região amazônica

Durante os três primeiros anos após o plantio, serão publicadas notícias e relatórios técnicos sobre a situação das árvores e da floresta recuperada, garantindo transparência e monitoramento para quem acreditou na ideia.

A criação do evento surgiu da própria prefeitura de Manaus e foi apresentada aos organizadores do festival, que investiram toda a quantia gasta na ação (de cerca de R$ 28 milhões).

Uma campanha publicitária também será lançada com mensagem de alerta sobre a importância do consumo consciente dos recursos naturais do planeta. Haverá ainda mobilização nas redes sociais, convidando cada pessoa a plantar uma árvore na Amazônia.

Compartilhe: