Gilmar Mendes diz que vai doar indenização de Iozzi para creche

Por: Redação Comunicar erro

A atriz e apresentadora Monica Iozzi vai recorrer da decisão da Justiça que a condenou a pagar R$ 30 mil ao ministro do Supremo Tribunal Federal e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes. De acordo com informações do G1, o ministro pretende doar integralmente a indenização para a creche Casa da Mãe Preta do Brasil, em Brasília.

Em protesto, foi criado um abaixo-assinado no site Change.org que pede a Gilmar Mendes para relevar a decisão que condena Monica Iozzi. Nas redes sociais, a hashtag #MeProcessaGilmar também tem sido usada pelos usuários.

Monica Iozzi foi condenada a pagar R$ 30 mil ao ministro Gilmar Mendes
Monica Iozzi foi condenada a pagar R$ 30 mil ao ministro Gilmar Mendes

A apresentadora foi processada após fazer uma publicação no Instagram em que criticava a atitude de Gilmar Mendes ao conceder habeas corpus ao médico Roger Abdelmassih, acusado de estuprar várias de suas pacientes. “Se um ministro do STF faz isso… nem sei o que esperar”, disse a Monica Iozzi no post em que aparece uma foto do ministro com a legenda “cúmplice?”.

A publicação teria ofendido a honra e a imagem de Mendes, pois ela o acusou de ser cúmplice de crimes de violência sexual. Na decisão, o juiz do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), Giordano Costa, afirmou que houve “abuso do direito à manifestação” e que a decisão tem caráter pedagógico.

Para ele, “ao publicar o questionamento “cúmplice?” a requerida vinculou a pessoa e imagem do requerente a um crime gravíssimo, que gera repulsa e indignação por parte da sociedade”. Além da indenização, Iozzi teve que tirar a publicação do ar e deverá arcar com os encargos advocatícios.

A assessoria da atriz publicou uma nota sobre o caso em seu perfil nas redes sociais: “Os advogados de Monica Iozzi irão recorrer da decisão. Vale ressaltar que ela reafirma que não houve qualquer tipo de ofensa ao ministro, mas sim a expressão de uma opinião sobre um fato público a respeito do julgamento de um médico que chocou o país. Médico acusado e condenado por ter abusado sexualmente de dezenas de suas pacientes.”

Compartilhe:

1 / 8
1
08:59
Lobão analisa a relação de Bolsonaro com seus filhos
Um dos poucos nomes do meio artístico a apoiar a eleição de Jair Bolsonaro (PSL), o músico Lobão revelou recentemente …
2
08:31
Lobão explica como funciona a mente de Olavo de Carvalho
Em entrevista ao vivo no estúdio da Catraca Livre para o jornalista Gilberto Dimenstein, o cantor Lobão, ex-afeto de Olavo …
3
03:39
Alter do Chão sofre com incêndio de grandes proporções
As chamas que consomem uma área de preservação ambiental de Alter do Chão, em Santarém, no Pará, voltaram a se …
4
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
5
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
6
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
7
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
8
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …